Viagens de trem pela Itália: como ir e outras dicas

As viagens de trem pela Itália são famosas pelo toque especial e praticidade que podem dar a uma estadia. Descubra como fazer a sua.

Uma das grandes vantagens encontradas em viajar para a Europa é a possibilidade de utilizar as linhas ferroviárias para chegar ao destino final ou outros que podem ser interessantes para o roteiro, e o mesmo acontece com as viagens de trem pela Itália: elas podem ser feitas tanto para simplesmente sair do aeroporto quanto para visitar cidades mais distantes.

Mas não se engane: nem todos os cantinhos desse país encantador podem ser conhecidos de trem, podendo valer a pena alugar um carro. Nesse caso, nossa dica é a Elmocar, empresa especializada em transfer e aluguel de veículos com atendimento totalmente em português.

Já para conhecer as maiores cidades, e as mais famosas, uma viagem de trem pela Itália pode ser a solução mais econômica e encantadora.

Leia também:
Cinque Terre na Itália: conheça a beleza particular das cinco vilas da costa da Ligúria
10 cidades românticas para visitar na Itália
Itália, Grécia e Turquia: conheça os três países na mesma viagem
Melhores destinos da Itália partindo de Roma

Como realizar viagens de trem pela Itália


Sua viagem para a Itália tem uma cidade específica como destino, mas com espaço de sobra no roteiro para conhecer outras? Então não pense duas vezes: faça uma pesquisa rápida e, tendo uma estação de trem por perto, vá!

Existem somente duas empresas que realizam viagens de trem pela Itália: a Ítalo, que liga as cidades mais famosas em alta velocidade, e a Trenitalia, com trens que atuam em velocidades diferentes, cobrindo mais de 200 destinos e oferecendo valores mais atrativos quando o trem escolhido viaja mais devagar.

Mesmo a charmosa e romântica Veneza, destino perfeito para casais em lua de mel que sonham em fazer o famoso passeio de gôndola nos canais, pode te levar à Milão, cidade italiana da moda, em uma viagem de trem com duração aproximada de 2h40 pela Trenitalia, com a Ítalo percorrendo o mesmo percurso com tarifa a partir de 10 Euros, em média.

E, por falar em Milão, sua viagem de trem pela Itália também pode ter essa cidade como início, seguindo para Veneza e de lá para Florença, o berço do Renascimento, em aproximadamente 2h00. De Florença até Pisa, com sua icônica torre, o tempo de viagem é de menos de 1h30 sobrando tempo, quem sabe, para seguir viagem até Roma e seus inúmeros monumentos históricos.

Foto: Janbaars60 / Pixabay

Foto: Benfuenfundachtzig / Pixabay

Dicas para uma viagem de trem pela Itália_

Para uma viagem para destinos famosos, principalmente em alta temporada, não deixe para comprar sua passagem em cima da hora. Quanto maior a antecedência, melhor.

Via de regra, não é preciso se preocupar com sua bagagem: basta levá-las com você, por isso busque não viajar com muita coisa. Caso vá viajar nos trens regionais da Trenitalia não estranhe ao perceber que o bilhete não possui informações de horário e marcação de lugar: ele é válido para todo o dia para o qual foi adquirido, então você pode pegar qualquer trem regional que escolher, desde que carimbe o bilhete.

Não se esqueça de definir claramente quais cidades deseja conhecer antes de comprar sua passagem, para não ter imprevistos relacionados a distâncias e, consequentemente, a dinheiro. A região das Cinque Terre, por exemplo, pode ser conhecida nas viagens de trem pela Itália, o que está longe de ocorrer com a Costa Amalfitana.

+ Info:

Elmocar
Guia em português na Itália
Tel: +39 06 52 27 92 15
WhatsApp: +39 346 754 55 18
Site: www.elmocar.com

Dicas para planejar sua viagem:

» Encontre hotéis, pousadas, resorts e hostels com o Booking.com.
» Reserve passagens aéreas com a Latam, MaxMilhas e Skyscanner.
» Ganhe R$130 de crédito do Airbnb na primeira reserva.