Berços de civilizações super antigas e recheados de mitos e uma boa parte da história da humanidade, os sítios arqueológicos espalhados ao redor do mundo, nos levam a verdadeiras viagens no tempo, onde conseguimos compreender melhor como era a vida das pessoas que nos procederam na história, reservando também paisagens únicas e arquiteturas milenares.

Conheça 10 sítios arqueológicos ao redor do mundo:

Leia também:

Desvendando o Machu Picchu
Petra o destino mais procurado da Jordânia
Viajando para o Egito, lugares surpreendentes para conhecer no país
Tumbas de 3500 anos são abertas para visitação no Egito
Pintura Rupestre no Brasil: conheça a Serra da Capivara

Machu Picchu – Peru

Talvez o mais conhecido dos sítios arqueológicos, a cidade de Machu Picchu foi construída no século 15, a 2.500 metros acima do nível do mar. A antiga cidade é o principal vestígio da civilização Inca é declerado pela Unesco como Patrimônio Cultural da Humanidade.

14532649857_b21b84df68_z

Petra – Jordânia

Situada entre o Mar Vermelho e o Mar Morto, a 250 km de Amã, capital da Jordânia, a antiga cidade de Petra é uma maravilha arqueológica do Oriente Médio. A cidade foi fundada no ano de 312 a.C e foi dominada por diversos povos como hebreus, gregos e romanos.

5352459703_d1860db93c_z

Angkor Wat – Camboja

Nas profundezas da selva do Camboja encontram-se os restos de uma vasta cidade medieval que permaneceu escondida até o século XIX, Angkor Wat, foi construída por volta de 1150, continua sendo o maior complexo religioso do planeta, cobrindo uma área quatro vezes maior do que a Cidade do Vaticano.

6056846432_089c5d5463_z

Teotihuacán – México

Localizada na região central do México o sítio arqueológico de Teotihuacán idades mais antigas das Américas teve início entre os séculos 1 a 7 d.C. No seu auge, a cidade tinha mais de 100 mil habitantes, abrigando também a Pirâmide do sol, a terceira construção desse tipo no mundo.

mexico

Luxor – Egito

Além de sua importância arquitetônica e geológica, o Templo de Luxor é o único que abriga documentos da época faraônica, greco-romana, copta e islâmica. O sítio abriga colunas, edifícios, obeliscos e diversas estátuas, sendo que algumas representam o rei em forma de esfinge, com cabeça humana e corpo de leão, e outros formatos típicos da cultura egípcia.

16057796882_70e4cb621c_z

Éfeso – Turquia

Pouco conhecido entre as cidades que se destacam por serem donas de sítios arqueológicos, Éfeso pertencia ao império greco-romano e dividia as atenções com Roma, tanto no tamanho quanto na importância. O destino ficou esquecido por algum tempo e voltou a despontar turisticamente falando graças à restauração pela qual passaram seus monumentos.

2915333291_52bb8f0517_z

Acrópole de Atenas – Grécia

A Acrópole de Atenas foi construída entre 450 a 330 aC sobre as ruínas de construções mais antigas. O sítio arqueológico possui quatro das mais importantes obras primas da arte grega clássica: O Partenon, o Propileu, o Erecteion e o templo de Atena Nike. Em grego, Acrópole significa “cidade no topo”. Na Grécia antiga era um distrito de defesa que também reunia os principais prédios administrativos e religiosos da cidade.

atenas_full

Chichen Itzá -México

Também na América Latina, fica outra preciosidade arqueológica. Chichen Itzá mantem vivos alguns dos vestígios e ruínas que um dia serviram de moradia para a civilização Maia. O conjunto arquitetônico abriga a Pirâmide de Kukulcán e o Templo dos Guerreiros, algumas das construções mais importantes da história do continente latino-americano.

itza

Persépolis – Irã

Persépolis foi uma das metrópoles antigas mais suntuosas que o mundo conheceu. A capital do Império Persa, que se estendeu do Egito à Índia, levou mais de um século para ser edificada e exibiu em seu auge faustosas construções. Mas Alexandre, o Grande, colocou fim a todo esse esplendor: invadiu, conquistou e tocou fogo na antiga capital persa. Apenas em 1930 escavações arqueológicas revelaram o que ainda restava no local, que fica no sul do Irã e está aberto ao turismo.

Ruins_of_Persepolis_by_Mehdis

Tikal – Guatemala

Tikal é simplesmente, o maior e um dos mais esplendorosos sítios arqueológicos já escavados em todo o continente americano. Fica na Guatemala, no meio da Floresta de Petén, e recebe milhares de turistas a cada ano. Foi sem dúvida, uma das grandes metrópoles maias em seu apogeu, o chamado período clássico, compreendido entre 250 e 900 d.C. É reconhecido como Patrimônio da Humanidade desde 1979 e guarda as maiores pirâmides maias, a exemplo do Templo do Jaguar.

3056489443_b9a3e376a7_z

Fotos: Giacomo Costagli, Ivan Serra, Matt Champlin, Bruce Allardice, Abel Jorge, Jeroen Schoenmakers.

Dicas para planejar sua viagem:

» Encontre hotéis, pousadas, resorts e hostels com o Booking.com.
» Reserve passagens aéreas com a Latam, MaxMilhas e Skyscanner.
» Ganhe R$130 de crédito do Airbnb na primeira reserva.

10 filmes que vão te deixar com vontade de viajar

Artigo anterior

30 roteiros para quem gosta de aventura

Artigo seguinte

Você pode gostar

Mais em Arqueologia