Tumbas de 3500 anos são abertas para visitação no Egito

O Egito é um destino misterioso, cheio de superstições e que fascina graças a moderna arqueologia, as construções imponentes construídas em uma época de poucos recursos e ao grandioso Rio Nilo, um território fascinantes, que guarda muitas histórias sobre as origens da humanidade.

Em 2012 arqueólogos descobriram em Luxor um túmulo em estado precário, com mais de 3500 que pertencem à família de mordomos que serviu o Rei Ramsés II, um dos mais importantes líderes da história egípcia.

Assim que descoberto, um minucioso trabalho de restauração e pintura das quatro tumbas foi iniciado. O local foi aberto para visitação no dia 13/5/16. Acredita-se que uma das tumbas, provavelmente pertencente ao pai por ser a mais colorida, conta com a inscrição: “Servo da verdade”. Elas foram ricamente decoradas com desenhos de deuses egípcios e outros símbolos da vida após a morte.

Leia também:

A geração que escolheu viver para conhecer o mundo
Jovem dá a volta na Europa gastando apenas 1 euro por dia
Como é trabalhar em fazendas orgânicas ao redor do mundo
Trabalhando no exterior: melhore o seu currículo conhecendo novos países

tumba-egito_01

Foto: Divulgação

tumba-egito_02

Foto: Divulgação


- Descubra o hotel ideal para você, reserve seu hotel com o Booking.com.
- Pesquise os melhores preços de passagens aéreas em tempo real para a sua viagem.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *