Atrasos, cancelamentos e overbooking são alguns dos problemas com voo que você pode resolver com ajuda dessa startup

problemas com voos NaoVoei

Problemas com voo. Foto: Divulgação

Veja como a NãoVoei ajuda você a ser ressarcido por direitos violados em aeroportos

Imagine que você está de passagem comprada, com malas prontas e chegou com antecedência no aeroporto. Porém, ao tentar fazer o check-in ou embarcar no avião, você simplesmente é barrado. Se você tinha um compromisso profissional urgente ou ia passar um feriado importante com a família, isso fica comprometido e as chances de perder esses eventos é bem alta. O que fazer nessa hora? Que tal acessar a NãoVoei?

Se você já teve problemas com voos, esse site pode ajudar você a lidar melhor com essa situação. Quer saber o porquê? Continue lendo e tire suas dúvidas!

O que é a NãoVoei?

A NãoVoei é uma empresa lançada em 2017, Ela mantém um portal especializado em problemas que afetam passageiros que tiveram qualquer problema ao voar. No serviço, você encontrará apoio de consultores especialistas para situações adversas, nas quais não seja possível o seu embarque em um avião por causa da companhia aérea ou algo ligado a seus processos que venha a barrar você sem um motivo justo.

Também há ajuda para casos em que o consumidor não é corretamente atendido, tem algum prejuízo com o serviço aéreo, não recebe o suporte necessário por conta de atrasos e cancelamentos de voos, entre outras dificuldades.

Como funciona a NãoVoei?

Basicamente, ela ajuda o passageiro a conhecer os seus direitos e oferece apoio para que ele consiga ir atrás deles. Dessa forma, é possível saber se você tem direito a receber uma indenização pelos danos sofridos.

Para conseguir apoio, basta acessar o site da NãoVoei e clicar no botão em destaque “Avaliar Indenização”. Depois, é preciso escolher uma das quatro opções abaixo (que serão trabalhadas no tópico seguinte):

  • atraso;
  • cancelamento;
  • overbooking;
  • extravio de bagagem.

Dependendo do que ocorreu, você precisará preencher de três a cinco opções para informar melhor o seu caso. Se ele for passível de solicitar indenização, na última etapa serão solicitados seus dados de contato para que um consultor te explique seus direitos gratuitamente. 

Quais serviços ela oferece?

A NãoVoei é especializada nos problemas com voo apontados anteriormente, os quais estão listados detalhadamente adiante. Acompanhe!

Voo atrasado

Um voo atrasado tem grandes chances de ferir seus direitos, especialmente se a demora for superior a quatro horas e não ocorrer devido a problemas meteorológicos. Nesse caso, além de perder um compromisso, você também corre o risco de perder uma diária paga em um hotel ou uma escala em outro avião, aumentando a demora para chegar a seu destino.

O atraso pode ser causado por uma série de eventos, como:

  • atrasos de outras aeronaves com passageiros que precisam fazer conexão com o seu avião e não há outra opção para eles chegarem a seus destinos em um tempo considerável;
  • manutenções não programadas por conta de colisões com pássaros ou problemas em equipamentos em terra ou nas aeronaves;
  • passageiros que “sumiram” na hora do embarque por estarem distraídos, perdidos ou se ausentaram do aeroporto. Vale destacar que uma bagagem não pode viajar sozinha por questão de segurança, a fim de evitar o embarque de cargas suspeitas (com armas, drogas, bombas etc.);
  • substituição da tripulação porque ela está perto do limite máximo de uma jornada de trabalho diária (não pode exceder 11 horas);
  • transporte de cargas especiais, cuja documentação não esteja correta ou não tenha chegado a tempo;
  • rigor maior na fiscalização durante a revista no raio-x;
  • queda de sistemas;
  • problemas de saúde de passageiros ou de membros tripulação;
  • congestionamento aéreo;
  • overbooking (sobre esse falaremos melhor em outro tópico);
  • problemas com outros passageiros no interior do avião etc.

Voo cancelado

O voo cancelado é outro problema que pode fazer você perder um compromisso importante e sua escala em outro avião. Ele pode decorrer de muitos dos mesmos motivos citados para os atrasos.

A partir do momento em que compareceu ao embarque, se a espera do passageiro para que sua situação seja resolvida por causa do cancelamento for superior a quatro horas, é necessário que a companhia aérea forneça:

  • translado;
  • acomodação em local adequado;
  • e, quando preciso, serviço de hospedagem — se o passageiro não residir na localidade do aeroporto de origem.

O mesmo vale nos casos de atraso, preterição no embarque ou interrupção no voo. Isso consta no Capítulo IV da Resolução nº 141, de 9 de março de 2010, da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC).

Mala extraviada

O extravio de bagagem é outro problema comum que causa transtorno aos viajantes. Nesse caso, saiba que você tem alguns direitos:

  • se sua bagagem não for entregue imediatamente após o desembarque, é possível exigir uma compensação financeira para a aquisição de produtos de primeira necessidade. Essa ajuda de custo pode variar de acordo com a rota e a empresa;
  • receber da empresa aérea a quantia correspondente ao da bagagem extraviada;
  • se ela não for achada e devolvida em até sete dias (voos domésticos) e 21 dias (voos internacionais), você tem direito a uma indenização também em até sete dias;
  • ser avisado a respeito das providências tomadas pela companhia aérea para encontrar a sua bagagem;
  • suas despesas no período sem a bagagem também precisam ser custeadas. Para tanto, é preciso guardar os comprovantes;
  • você tem direito a uma indenização superior se suas malas forem entregues com uma demora maior do que 72 horas após o seu desembarque.

Lembrando que o prazo para reclamar do extravio é de até 15 dias após o embarque. Caso haja danos à sua bagagem, você também poderá protestar (em até sete dias) junto à companhia aérea. Ela terá um prazo igual para reparar o dano ou substituir a bagagem. Dentro desse intervalo de tempo também cabe indenização. Nesses casos, a NãoVoei pode ajudar você.

Overbooking

O overbooking, também conhecido como preterição de embarque, é uma das práticas que mais causam transtornos para os passageiros. Ele normalmente ocorre quando a empresa aérea comercializa mais bilhetes do que o número de assentos em uma aeronave. Também acontece quando:

  • há um atraso em outro voo que faz com que alguns de seus passageiros percam suas escalas. Eles podem acabar realocados em aviões que já tiveram suas vagas todas vendidas, gerando a preterição de embarque para os passageiros dessas aeronaves;
  • um voo é cancelado e a companhia aérea realoca os passageiros para um voo também com todos os seus assentos vendidos. Normalmente, ela precisa dar prioridade a algumas pessoas, como as que têm crianças de colo, os idosos e as lactantes, de modo que algumas pessoas do segundo voo não poderão embarcar;
  • ocorre uma troca de aeronave por algum motivo técnico, porém a segunda tem menos lugares do que a que foi substituída. Por exemplo, se a primeira tinha 200 vagas e foi trocada por uma de 180, então 20 passageiros ficarão sem lugar.

O que fazer em caso de Overbooking

Além do atraso e da perda de compromissos, podem ocorrer danos e prejuízos sérios ao passageiro por causa de overbooking.

Por exemplo, o desconforto ao ser obrigado a desembarcar de uma aeronave. Contudo, é comum que, além da realocação em outro voo, algumas empresas aéreas ofereçam benefícios para quem desistir espontaneamente de um assento, como milhas e diárias em hotéis.

Porém, em uma situação desagradável, para conseguir ser ressarcido, lembre-se de coletar provas de que você compareceu dentro do período mínimo estipulado pela companhia para o check-in. Você também precisa respeitar o prazo mínimo para o embarque, que é de 30 minutos de antecedência em voos domésticos.

Passar pelas situações mencionadas antes, durante ou após viagens aéreas já é por si só incômoda, mas perder compromissos em virtude delas, ficar sem amparo da companhia aérea e não receber ressarcimento pelos prejuízos só piora a situação.

Se você não sabe bem como receber uma reparação pelos direitos violados e por toda a dor de cabeça sofrida, recomenda-se buscar a ajuda da NãoVoei. Seus consultores poderão orientá-lo sobre os passos necessários a fim de conseguir a indenização merecida.

Agora que você já sabe sobre os serviços, conheça a NãoVoei e resolva seus problemas com voo.

Dicas para planejar sua viagem:

» Encontre hotéis, pousadas, resorts e hostels com o Booking.com
» Reserve passagens aéreas com a MaxMilhas.
» Ganhe R$179 de crédito do Airbnb na primeira reserva.
» Aluguel de carros com até 30% de desconto e a garantia do melhor preço!
» Encontre seu seguro viagem com os melhores preços na Seguros Promo.

Hello Kitty ganha restaurante temático na Liberdade, em São Paulo

Artigo anterior

Dicas de turismo em Cascais

Artigo seguinte

Você pode gostar