Patagônia argentina é destino de inverno para brasileiros

As paisagens inóspitas da Patagônia argentina atraem brasileiros que buscam um destino de aventura fora do comum

Montanhas nevadas, glaciares, clima aconchegante, gastronomia farta, ski, snowboard e várias atividades na neve – não tem jeito, a Patagônia argentina tem tudo aquilo que o brasileiro busca em um destino de inverno. Além dos trekkings e das atrações para os aventureiros, a Patagônia também pode ser um destino para as famílias que querem um lazer diferente, contemplando algumas das paisagens mais belas e exóticas da América do Sul. E o melhor, essa maravilha nem está tão longe assim do Brasil.

A Patagônia, conhecida também como Tierra del Fuego é um arquipélago que abrange partes do Chile e Argentina, fica exatamente no fim do mundo – no extremo sul do continente. Seguindo o mapa, depois da Patagônia só as geleiras da região da Antártida a milhares de quilômetros de distância do outro lado do globo. A Patagônia também é regada de histórias e foi um dos destinos de Charles Darwin (1809-1882) criador da teoria da evolução, quando viajou durante 4 anos e 9 meses em uma embarcação que partiu da Inglaterra, mapeando a América do Sul.

Leia também:

Patagônia argentina: descubra Ushuaia em 16 fotos surpreendentes
Turismo na Argentina: Buenos Aires a cidade do tango
Dicas de turismo: roteiro de 5 dias em Buenos Aires
Dicas de passeios pelo Delto do Tigre na Argentina
Mendoza, Bariloche, Ushuaia e outros destinos para você conhecer na Argentina

A Patagônia é mágica, e sem dúvidas, um dos destinos mais encantadores da Argentina. Os principais passeios da Patagônia são feitos dentro dos parques nacionais. A região é refúgio de viajantes que querem desbravar essa parte do planeta. Os passeios partem de várias cidades, no lado argentino estão San Carlos de Bariloche, Neuquén, Rio Grande, El Calafate e Ushuaia, que são as cidades mais conhecidas e também porta de entrada para os principais passeios da Patagônia. O clima inóspito e a localização isolada criam uma paisagem única com várias possibilidades de tours. Ushuaia é a última cidade da América do Sul e é nessa parte que saem as excursões marítimas para a Antártida. A Patagônia é grande, e o mais recomendado para aproveitar a viagem da melhor forma é utilizar uma dessas cidades como ponto base.

A agência Ushuaia Extremo oferece  roteiros exclusivos para brasileiros com guia em português, e contam com estrutura completa para passeios de bike na neve, trilhas, tours para práticas de ski, snowboard, acampamentos, entre outras atividades. A localização privilegiada da agência, no coração da Tierra del Fuego, permite saídas regulares para quem quer visitar os principais atrativos da região.

O que fazer na Patagônia

São várias as atrações que permitem desfrutar dessa pérola Argentina. Durante o inverno os passeios de ski, snowboard e outras atividades na neve são o que predominam e costumam agradar a família toda. No verão passeios de bicicleta, trilhas e visita aos bosques e lagos argentinos preenchem os roteiros que buscam contemplar as paisagens locais. Mesmo sendo uma terra inóspita, não é difícil encontrar mais da fauna local. Devido ao clima frio e seco, é comum avistar animais que se adaptam mais facilmente nessas regiões como pinguins, focas, raposas, baleias e outras espécies. São vários os motivos que atraem os turistas para a Patagônia, veja alguns lugares imperdíveis para conhecer na sua viagem:

Fitz Roy

Fitz Roy, em El Chaitén. Foto: Therese Beck / Flickr

Trekking Laguna Esmeralda

Lagoa Esmeralda durante o inverno. Foto: Ushuaia Extremo

Glaciar Vinciguerra

Glaciar Vinciguerra, em Ushuaia. Foto: Miguel Rigoni / Flickr

Glaciar Martial

Glaciar Martial, cartão postal da Patagônia argentina. Foto: Flávio Paulino / Flickr

Navegando no Canal Beagle

Observação de pinguins no Canal de Beagle, em Ushuaia. Foto: Pablo Rodriguez Flickr

Tour de Bicicleta

Passeio de bicicleta na neve, um dos principais passeios em Ushuaia. Foto: Ushuaia Extremo

Trem do Fim do Mundo

O trem do fim do mundo é a última linha ferroviária do continente. Foto: Excursoes_/Flickr

Aulas de ski e snowboard

Aulas de ski e snowboard na Patagônia. Foto: Jordi Solé Joval / Flickr

Melhor época para visitar a Patagônia 

Assim como no Brasil e no restante do Hemisfério Sul, a Patagônia tem as estações do ano bem demarcadas e costumam variar mais durante o verão e extremo inverno. Os meses mais frios do ano são de junho a setembro, e os mais quentes, de dezembro a março, mas, mesmo no verão é possível ver neve na Patagônia, entretanto a frequência é bem maior durante o inverno. Nessa região do globo, nas cidades mais quentes a máxima é de 20 (graus celsius) durante o verão, podendo chegar em até -15 durante o frio extremo.

Durante todo o ano há passeios para conhecer os atrativos locais, vale considerar qual o perfil da sua viagem e escolher a época certa para aproveitar ao máximo.

+Info
Ushuaia Extremo
Tel: +54 2901 433816
info@ushuaiaextremotravels.com
www.ushuaiaextremoevt.tur.ar
Facebook | Instagram


- Descubra o hotel ideal para você, reserve seu hotel com o Booking.com.
- Encontre pacotes de viagem em oferta com a CVCSubmarino ViagensDecolar.com.
- Pesquise os melhores preços de passagens aéreas em tempo real para a sua viagem.