Lugares para conhecer no Jalapão

Se aventure por esse parque no norte do Brasil, onde a natureza exuberante com cachoeiras e chapadões dá lugar a esportes de aventura e relaxantes piscinas naturais

Foto: Flávio André / MTUR

No centro do Brasil, no estado de Tocantis encontra-se um paraíso natural de beleza única: o Jalapão, um dos principais roteiros para praticantes de ecoturismo e turismo de aventura. A região é um lugar de descobertas permanentes, em plena mata de transição do cerrado e a caatinga, surgem cachoeiras, rios com águas cristalinas, corredeiras, chapadas e formações rochosas de diferentes cores.

Neste cenário, destacam-se dunas de areias douradas, com até 30 metros de altura, o que levou o lugar a ser chamado de deserto do Jalapão. A dificuldade de acesso é o grande responsável pela preservação do santuário, estas condições fizeram com que a diversidade de animais e plantas totalmente adaptados a região.

O Jalapão é um conjunto de áreas de conservação que fica a quase 200km de Palmas, capital do Estado do Tocantins. No total, são 34 mil km² e o público pode conhecer de perto lindas cachoeiras com águas cristalinas, piscinas naturais, dunas, fervedouros e chapadões, além de ter a oportunidade de praticar esportes como canoagem, rafting, rapel, ciclismo e caminhada por trilhas. Como as estradas são arenosas e mal sinalizadas o acesso deve ser feito com carros 4×4 ou através de jipes contratados por agências de turismo da região.

O acesso ao parque estadual é dificultado pelas estradas de terra, por isso muitas pessoas optam por contratar um pacote de viagem que inclua um transporte 4×4 até lá. As cidades mais próximas para hospedagem e com mais estrutura são Ponte Alta do Tocantins e Mateiros.

Os turistas podem andar por entre as formações rochosas do Canyon Sussuapara, com seus 12 metros de altura, e ver o pôr do sol da Pedra Furada, ou se aventurar por trilhas na Serra do Espírito Santo, na Serra da Catedral e nas dunas laranjas. Mas todo o calor sentido nas subidas vai ser esquecido quando mergulhar nas águas cristalinas dos fervedouros, rios e cachoeiras que permeiam todo o parque.

É comum encontrar diversos artesanatos feitos com capim dourado e seda de buriti por toda a região. Esse tipo de artesanato se tornou fonte de renda para as comunidades locais e tem sido alvo de estudos e ações para garantir seu uso sustentável, fortalecendo a economia local.

Leia também:
Tocantins: veja fotos dos fervedouros mais belos do Jalapão
5 cachoeiras com águas incrivelmente azuis para você conhecer no Brasil
Lugares para conhecer em Palmas
10 rotas para fazer um mochilão pelo Brasil

O que fazer no Jalapão:

Foto: Filipe Gonzaga Ferreira / Wikimedia Commons

– Fervedouros

São cerca de 80 piscinas naturais catalogadas no parque e apenas alguns são abertos para visitação. Os mais buscados são o Bela Vista, Encontro das Águas, Buriti, Buritizinho, Ceiça, Rio do Sono e Alecrim.

– Cachoeira do Formiga

Essa é a queda d’água mais famosa do Jalapão, os visitantes que chegam até a atração se deparam com uma nascente de água verde esmeralda. Apesar de pequena, a queda tem grande volume de água e forma um poço cristalino em meio a árvores e palmeiras.

– Cachoeira da Velha

Aqueda d’água mais procurada do Jalapão tem 15 metros de altura e 100 metros de largura, fazendo com que a água caia em formato de ferradura.

– Dunas do Jalapão

São encontradas em muitos pontos do parque estadual e a areia alaranjada pode alcançar até 40 metros de altura.

– Povoados do Mumbuca e Prata

Ambos são comunidade quilombolas remanescentes de visitação aberta ao público permitindo um mergulho na cultura local.

– Canyon Sussuapara

Localizado na cidade de Ponte Alta do Tocantins, essa formação rochosa de 12 metros de altura permite que os visitantes passeiem por entre os vãos e se deparem com nascentes cristalinas.

– Serra do Espirito Santo

Com formações arenosas causadas pela ação dos ventos e chuvas, a Serra do Espirito Santo, possui um mirante, onde é possível ter uma visão panorâmica de toda a região.

Outros lugares para conhecer no Jalapão:

  • Pedra Furada
  • Prainha do Rio Novo
  • Praia do Alecrim
  • Serra da Catedral
  • São Félix do Tocantins
  • Novo Acordo
  • Ponte Alta do Tocantins
  • Mateiros

Como chegar no Jalapão:

Foto: Rodrigo José Fernandes / Wikimedia Commons

A cidade mais próxima com aeroporto próprio é a capital do estado, Palmas. De lá o viajante deve seguir pela TO-050 até Porto Nacional e depois pegar a TO-255 até Ponto Alta do Tocantins (195km de Palmas).

Outro caminho até o Jalapão é entrar por Mateiros, onde estão muitas das principais atrações da região. Para chegar até lá o motorista deve continuar pela TO-255 depois de Ponte Alta do Tocantins por mais 160km.

É importante ressaltar que não é recomendado fazer o trajeto sem um guia.

Melhor época para visitar o Jalapão:

Foto: Flávio André / MTUR

As temperaturas são altas o ano todo (entre 30°C e 40°C), mas o período mais indicado é entre maio e setembro porque as chuvas são mais raras.

Entre os meses de maio e setembro quase não chove na região e o céu está sempre azul. Para ver os campos de Capim Dourado, visite o parque nacional em setembro. Durante essa época os dias são mais quentes e as noites são mais frescas. Já na época com mais chuva entre outubro e março, os dias são mais frescos, mas em compensação as noites não esfriam tanto.

Dicas para planejar sua viagem:

» Encontre hotéis, pousadas, resorts e hostels com o Booking.com.
» Reserve passagens aéreas com a Latam, MaxMilhas e Skyscanner.
» Ganhe R$130 de crédito do Airbnb na primeira reserva.