Lugares para conhecer em Santiago

A cidade tem ares de capital europeia e ainda deixa o turista frente a frente com maravilhas da natureza como os Andes

foto: Tifonimages / iStockphoto

Santiago tem ganhado cada vez mais o coração dos brasileiros apesar de não ser um dos destinos mais baratos para se viajar na América Latina. A cidade encanta por ser uma grande planície cercada pelos majestosos Andes e preservar a arquitetura antiga do centro histórico, dando aos turistas um gostinho de caminhar por ruas de capitais da Europa.

O principal ponto de Santiago é a Plaza de las Armas, onde estão atrações como o Museo Chileno de Arte Precolombino, o Museo Histórico Nacional, o edifício do Correo Central construído no século XVIII e a Catedral Metropolitana de Santiago que data do século XIX. De lá é possível seguir caminhando para o cerro Santa Lucía e para o Mercado Central, onde você encontra as tradicionais centollas, que são os caranguejos gigantes. O prato serve duas pessoas e custa cerca de $100 dólares.

Nesta região também estão lugares famosos como o Parque Florestal, o Museu de Arte Contemporânea, primeiro museu do tipo na América Latina, e o Emporio de la Rosa, considerada uma das melhores sorveterias do mundo com sabores exóticos como creme com rosas e gengibre com laranja.

A cidade tem muitas opções de excelentes restaurantes, seja o tradicional cachorro quente com abacate e feijão, ou os mais requintados do bairro descolado Bella Vista. O mais conhecido se chama Como Água Para Chocolate.

Santiago pode ser explorada com calma em um final de semana, mas pode ser sua base para conhecer outros lugares nas redondezas como o famoso Vale Nevado, o deslumbrante Cajón del Maipo e as deliciosas vinícolas.

Leia também:
O que fazer em Santiago: roteiro de 2 dias
Estações de esqui em Santiago: El Colorado e Farellones
Lugares para conhecer em San Pedro de Atacama
9 lugares sensacionais que você precisa conhecer no Chile

O que fazer em Santiago:

Foto: tifonimages / iStockphoto

– Sky Costanera

O edifício mais alto da América Latina tem uma vista de tirar o fôlego da cidade cercada pelos Andes do alto de seus 300 metros de altura. O mirante fica no shopping mais famoso de Santiago, também chamado Costanera.

– Shopping Costanera

Esse complexo tem os andares divididos por temas, (infantil, feminino, masculino, entre outros), e oferece restaurantes, lojas famosas e regionais e um supermercado. Turistas podem apresentar um documento com foto no balcão de informações e para ganhar um livrinho com descontos especiais em diversos estabelecimentos.

– Cerro Santa Lucía

Um dos mirantes de fácil acesso de Santiago. Esse fica no centro e não exige muito esforço para chegar ao topo porque as subidas não são íngremes e atravessam um parque cheio de árvores, fontes e banquinhos. O nome foi dado em 1540, quando o espanhol Pedro de Valdivia acampou com suas tropas no local.

– Cerro San Cristobal

O mirante mais alto da cidade tem mais ou menos a mesma altura do Sky Costanera. A subida é feita com um funicular com parada opcional no Zoológico, mas os ingressos são vendidos com algumas opções de caminho: ida e volta de funicular, ida de funicular e teleférico com descida perto do Costanera, e ida de funicular + teleférico e retorno ao mesmo local de partida.

– Museo de La Memoria y los Derechos Humanos

O museu fica um pouco afastado das outras atrações, mas o acesso é simples pelo metrô. Localizado em frente ao parque Quinta Normal, o prédio tem dois andares é dedicado às mais de 30 mil vítimas do regime militar chileno (1973-1990) e possui diversas instalações com vídeos, fotos, jornais e itens pessoais que contam em detalhes o período. Logo na entrada há uma parede com fotos fazendo referência a todos os países que enfrentaram ditadura e um status das investigações atuais obre mortos, desaparecidos e responsáveis.

– Palacio de La Moneda

Construída em 1805, é sede do governo e local onde o ex-presidente Salvador Allende cometeu suicídio no dia do golpe militar em 11 de setembro de 1973. Embaixo do edifício há um museu com exposições fotográficas gratuitas e acervos com visitas pagas.

Outros lugares para conhecer em Santiago:

  • Bella Vista
  • Catedral Metropolitana de Santiago
  • Correo Central
  • Emporio dela Rosa
  • La Chascona (Casa do escritor Pablo Neruda)
  • Museo Chileno de Arte Precolombino
  • Museu de Arte Contemporânea
  • Museo Histórico Nacional
  • Mercado Municipal – centolla
  • Parque Florestal
  • Parque Quinta Normal
  • Vale Nevado
  • Cajón Del Maipo

Como chegar em Santiago:

Foto: F11photo / Shutterstock

De avião
A maneira mais fácil de chegar à capital chilena é de avião, já que o Aeroporto Internacional Comodoro Arturo Merino Benítez fica a pouco mais de 10km do centro de Santiago. As companhias GolLatamAvianca e Aerolíneas Argentinas oferecem o trecho saindo de algumas capitais do Brasil com voos sem escala.

De carro
Para quem tem tempo de sobra e deseja conhecer as belas estradas do sul do Brasil e norte da Argentina e Chile, uma viagem de carro pode ser uma experiência memorável. É possível fazer o trajeto com paradas em outros pontos turísticos muito procurados na América do Sul, como Foz do Iguaçu, Mendoza e Santa fé. Saindo de São Paulo o tempo de viagem é de aproximadamente 50 horas.

De ônibus
Também é possível chegar em Santiago de ônibus partindo de algumas capitais brasileiras. As principais empresas de ônibus são a Chilebus e a Pluma Internacional.

Melhor época para visitar Santiago:

Foto: Alfredo Maiquez / Shutterstock

Os climas chilenos são bem parecidos com a do Brasil, as estações ocorrem nas mesmas datas que o nosso país, ou seja, se é verão aqui é verão lá e assim por diante. Durante o verão, os termômetros podem chegar a 30ºC em Santiago, mas as mínimas sempre são baixas pros padrões brasileiros, em torno de 11ºC mesmo durante a estação mais quente. Já no inverno, a cidade costuma ficar entre -10°C e 10°C no período mais frio

Onde se hospedar em Santiago:

Encontre hospedagens em Santiago aqui.

Dicas para planejar sua viagem:

» Encontre hotéis, pousadas, resorts e hostels com o Booking.com.
» Reserve passagens aéreas com a Latam, MaxMilhas e Skyscanner.
» Ganhe R$130 de crédito do Airbnb na primeira reserva.