Cultura, história e belezas naturais fazem parte do roteiro de lugares que você precisa conhecer em Bento Gonçalves

A cidade de Bento Gonçalves é um verdadeiro pedacinho da Itália no Brasil. Foi nela que os primeiros imigrantes italianos chegaram e, mais de um século depois, aportaram em terras brasileiras. A alegria dessas pessoas está por todos os lados na bela cidade da Serra Gaúcha, assim como sua cultura e história.

Conhecida como a capital do vinho, Bento Gonçalves é um destino perfeito para a prática do enoturismo, onde os visitantes podem percorrer mais de 80 km repletos de vinícolas e acompanhar todas as etapas da produção da bebida até a degustação. Uma dica para quem quer imergir ainda mais na cultura italiana é visitar o Caminho da Pedras, que passa por charmosas casinhas de madeira e pedras típicas do século passado.

Mas engana-se quem pensa que Bento Gonçalves oferece somente atividades voltadas para o vinho e história. Os amantes de natureza e esportes radicais vão se encantar com Parque Gasper, um reduto de mata nativa que concentra diversas atrações radicais como tirolesa e rapel. Confira os melhores lugares para conhecer em uma viagem a  Bento Gonçalves.

O que fazer em Bento Gonçalves


Foto: Renato Soares / MTUR

Caminhos de Pedra

Essa rota de 12 km de extensão passa por paisagens belíssimas, mas a arquitetura da região agrega charme especial ao passeio. Casas históricas de pedra e madeira, onde hoje funcionam deliciosos restaurantes e vinícolas, é uma das atrações imperdíveis para se conhecer em Bento Gonçalves.

Vale dos Vinhedos

Como todos sabem, as vinícolas não podem faltar no roteiro. Conhecer as plantações, a produção de vinho e degustar a bebida nas vinícolas Miolo e a Casa Valduga, emolduradas entre colinas e vales, é um passeio para ficar guardado na memória.

Rota Cantinas históricas

Outra opção para apreciar as lindas paisagens dos vinhedos e ainda experimentar as delícias da culinária italiana é realizar o passeio pela Rota das Cantinas. Afinal, nada combina mais com um bom vinho do que uma massa para acompanhar.

Via del Vino

A Via Del Vino, localizada na rua Marechal Deodoro, no centro, é o ponto inicial para a construção da cidade. É nesse local onde estão os prédios mais antigos do município e o chafariz La Fontana, que jorra água na cor de vermelha para lembrar o principal símbolo da região, o vinho.

Igreja Cristo Rei e Praça das Rosas

Na Praça das Rosas, um espaço com uma grande quantidade de lazer para crianças ao ar livre, está a imponente Igreja Cristo Rei, que foi inaugurada em 1954 e mantém um estilo gótico moderno.

Museu do Imigrante

O Museu do Imigrante resgata a história do povo italiano que chegou a região, dividido em ambientes que representam os antigos quartos, cozinha e objetos pessoais com mais de 15 mil peças da cultura regional. O prédio em que o museu está instalado foi construído em 1913 e é um Patrimônio Histórico da cidade.

Estação Ferroviária

Inaugurada em 1919, a estação ferroviária de Bento Gonçalves já não recebe trens de passageiros, mas é conhecida pela famosa “Maria Fumaça” que leva os turistas até as cidades de Garibaldi e Carlos Barbosa. Este tradicional passeio conta com músicas típicas italianas e degustação de vinhos ao longo dos 23 km de trajeto.

Parque Epopeia Italiana

Um parque temático que oferece aos visitantes um contato direto a história da imigração italiana. Os guias conduzem as pessoas por uma viagem detalhada sobre o trajeto do povo da Itália até sua chegada na cidade.

Parque Gasper

Para atrair mais jovens para a região, o Parque Gasper é um lugar destinado ao turismo de aventura. O Paredão da Eulália, de 135 metros de altura, é formado por rochas e permite que os turistas pratiquem rapel. Outra atração do parque é a tirolesa, com um percurso de 750 metros.

Como chegar em Bento Gonçalves


Foto: Divulgação MTur

De avião

Bento Gonçalves se localiza a 114 km de aeroporto Internacional Salgado Filho, em Porto Alegre. Outra opção para quem vem de avião é chegar pelo Aeroporto Hugo Cantergiani, em Caxias do Sul, que está a 45 km de Bento, porém por receber uma menor quantidade de voos, costuma ter preços mais altos. O indicado é alugar um carro na capital e subir a serra até Bento, reservar um transfer ou, se preferir, recorrer ao ônibus.

De ônibus

Saindo da rodoviária da capital Porto Alegre, em diversos horários há ônibus diretos para Bento Gonçalves. A frota é operada pelas empresas UNESUL e Bento.

De carro

Um dos melhores trajetos para a cidade saindo de Porto Alegre é pela via BR-116 até Novo Hamburgo, em seguida pegar a RS-240 e RS-122 que leva até São Vendelino. Por útlimo, seguir pela RS-446 e BR-470 até Bento Gonçalves.

Melhor época para visitar Bento Gonçalves


Foto: Divulgação

Visitar Bento Gonçalves em qualquer estação do ano é uma aventura imperdível, mas é no período que vai de janeiro a março que as paisagens ficam ainda mais bonitas por conta da colheita das uvas.  

As temperaturas baixas do inverno trazem um novo visual para a cidade, onde as parreiras sem folhas e ventos fortes são convidativos para degustar um bom vinho.

Onde se hospedar em Bento Gonçalves


Foto: nathsegato / Pixabay

Em Bento Gonçalves há alternativas de hospedagem para todos os estilos, como o luxuoso Spa do Vinho, rodeado por parreirais do Vale dos Vinhedos. No centro, um dos mais buscados é o Dall’Onder Grande Hotel. Para quem busca uma opção econômica, mas muito confortável, a Pousada do Chalé recebe boas avaliações dos viajantes. Encontre hospedagens em Bento Gonçalves aqui.

» Viajando para a Serra Gaúcha, o que fazer na região
» Caminhos de Pedra, um recanto italiano em meio a Serra Gaúcha
» Lugares para conhecer em Gramado
» Lugares para conhecer em Canela

Dicas para planejar sua viagem:

» Encontre hotéis, pousadas, resorts e hostels com o Booking.com.
» Reserve passagens aéreas com a MaxMilhas e Skyscanner.
» Ganhe R$130 de crédito do Airbnb na primeira reserva.

Lugares para conhecer em Gramado

Artigo anterior

Melhor época para conhecer Gramado

Artigo seguinte

Você pode gostar