Com cerca de 575 mil habitantes conforme senso do IBGE de 2014, Cuiabá é a capital e principal pólo industrial, comercial e de serviços do estado de Mato Grosso. Considerada como uma das capitais mais arborizadas do país, você pode ver que além dos bairros residenciais, a cidade também oferece muitos parques e praças distribuídos em áreas verdes em diferentes pontos.

Cuiabá foi fundada no século XVII por bandeirantes que vinham do interior de São Paulo, a capital mato-grossense ficou praticamente esquecida do período das jazidas de ouro até meados do século XX, quando sua população retomou o crescimento e atingiu o auge em número de habitantes nas décadas de 1970 e 1980.

É entre a Amazônia, o Cerrado e o Pantanal que Cuiabá está estrategicamente localizada. Cercada por diversos rios e uma vegetação própria do cerrado, a capital também é considerada uma das portas de entrada da Floresta Amazônica – maior floresta tropical do mundo – além de deter em seu território parte do Parque Nacional da Chapada dos Guimarães, berço das águas que abriga as cachoeiras e cascatas mais belas do estado.

Com um rico e diversificado bioma, a região se tornou peculiar pela variedade e mescla de ecossistemas ainda preservados que podem ser encontrados pelas redondezas, formando um cenário único cheio de vida. Representando o Pantanal, a cidade também foi uma das 12 escolhidas para receberem os jogos da Copa do Mundo no Brasil, em 2014.

centro histórico de Cuiabá, assim como em outras capitais brasileiras, foi construído no período colonial e ainda guarda parte da arquitetura da época. Embora muitos patrimônios tenham sido influenciados pelos avanços demográficos e econômicos da capital, você ainda encontra alguns casarios desses períodos como o Calçadão de Cuiabá, o Museu Histórico de Mato Grosso, a sede do SESC Arsenal, entre outros.

Mato Grosso também divide com seu estado vizinho, Mato Grosso do Sul, um dos destinos mais exóticos do Brasil. É no Pantanal que as fronteiras parecem não existir, dando espaço apenas para a natureza em sua maior plenitude. Considerado pela UNESCO como Patrimônio Natural Mundial e Reserva da Biosfera, a região reúne características únicas: ao sul, a maior área fica com o estado de Mato Grosso do Sul, e ao norte, em Mato Grosso, a imensidão do Pantanal Amazônico.

Em ambos, representados como uma savana, contam com a maior parte do território alagado, em um espaço com mais de 250 mil km² de pura vida selvagem. Essas condições perfeitas na mistura de diferentes biomas, tornou o destino um habitat ideal para que animais reinem em abundância.

O que fazer em Cuaibá

Foto: Wikimedia Commons

Igreja Nossa Senhora do Bom Despacho

Um dos principais cartões postais da cidade foi tombada como Patrimônio Histórico e possui estilo arquitetônico neogótico com o interior onde o barroco predomina.

Casa do artesão

O espaço reúne diversos artesanatos típicos do estado como esculturas de madeira, arcos, flechas, apitos com sons de pássaros entre outros souvenirs do Pantanal como doces caseiros.

Igreja Nossa Senhora do Rosário e São Benedito

Um dos grandes marcos da fundação da cidade, a Igreja de Nossa Senhora doo Rosário e São Benedito foi construída em torno de 1730. Sua arquitetura simples é típica da arquitetura colonial brasileira e esconde a decoração barroca-rococó.

Parque Mãe Bonifácia

O maior parque de Cuiabá possui 90% de sua área ocupada por mata nativa, o espaço conta com muito verde e espaços para atividades como pistas de caminhadas, área infantil e aparelhos para ginásticas.

Outros atrativos turísticos em Cuiabá:

  • Arena Pantanal (Verdão)
  • Museu do Morro da Caixa D’Água Velha
  • Teatro SESC – Arsenal
  • Museu Histórico de Mato Grosso
  • Museu Pré Histórico Casa Dom Aquino
  • Museu de Arte Sacra

Como chegar em Cuiabá

Foto: Wikimedia Commons

De avião

O Aeroporto Internacional Marechal Rondon recebe voos diários das principais capitais do Brasil.

De carro

De Porto Velho: 1454 km – acesso pela BR-364 e BR-174.
De Campo Grande: 707 km via BR-163.
De Goiânia: 930 km via BR-060 e BR-364.

De ônibus

A cidade recebe ônibus diários de diversas capitais brasileiras. Para informações atualizadas de quais companhias operam até Cuiabá, vale ligar na rodoviária da capital mato grossense.
Rodoviária de Cuiabá
Tel: (65) 3621-1515

Melhor época para conhecer Cuiabá

Foto: Wikimedia Commons

O clima tropical prevalece durante todo o ano de forma estável, Cuiabá também é conhecida pelas altas temperaturas, mas também chega a ter invernos mais rigorosos em que o termômetro marca temperaturas por volta dos 15 graus. De outubro a abril as chuvas costumam chegar com força, se concentrando na região. Entre os meses de maio a setembro as temperaturas voltam a subir e o clima se mantém mais seco.

Onde se hospedar em Cuiabá

Foto: Wikimedia Commons

O Booking oferece mais de 50 opções de hospedagem em CuiabáVeja aqui todos os hotéis disponíveis no Booking.com.

Cuiabá tem ótimas opções de hospedagem pelo Airbnb. A plataforma que oferece aluguel de casas, apartamento e quartos pode sair bem mais barato do que hotel. E se você ainda não tem cadastro, pode usar esse código de desconto.

Dicas para planejar sua viagem:

» Encontre hotéis, pousadas, resorts e hostels com o Booking.com
» Reserve passagens aéreas com a MaxMilhas.
» Ganhe R$179 de crédito do Airbnb na primeira reserva.
» Aluguel de carros com até 30% de desconto e a garantia do melhor preço!
» Encontre seu seguro viagem com os melhores preços na Seguros Promo.

Novas regras de bagagem 2019

Artigo anterior

Opção de hospedagem em Fez: Riad Maison Bleue

Artigo seguinte

Você pode gostar