Este é o Mercato Centrale, dica indispensável para comer bem em Roma. Encontre o melhor da culinária italiana em um só lugar! 

Na Itália, cozinhar é uma arte. Quando os pincéis se transformam em caçarolas e são comandados por mãos talentosas, os resultados são verdadeiras obras-primas, um deleite aos paladares de quem ama tradições e histórias. Pensando em reviver essas sensações, um espaço em Roma decidiu reunir o melhor da gastronomia italiana e da cozinha internacional, trazendo verdadeiros “artesãos” da culinária para produzir suas delícias sob o mesmo teto. 

Trata-se do Mercato Centrale de Roma, um lugar que reúne diversos restaurantes dedicados a preservar a herança culinária da Itália em um ambiente moderno. Conectado à Estação Termini, a mais importante de Roma, o empreendimento permite que os visitantes – sobretudo turistas que buscam os verdadeiros sabores italianos – experimentem a melhor comida local, criada com receitas tradicionais e ingredientes de alta qualidade, tudo isso em um único espaço. 

São 18 opções de restaurantes e lojas espalhados em 1900 metros quadrados e três andares diferentes que formam uma galeria gastronômica. Um paraíso fácil de ser encontrado, com a missão de oferecer diferentes opções para comer bem em Roma. No térreo, se concentram alguns dos espaços e suas delícias, já o primeiro andar é ocupado por um restaurante, enquanto o segundo, chamado Spazio Fare, é um local onde os visitantes podem se acomodar e provar as delícias preparadas pelos artesãos.

Todos os ingredientes utilizados para elaborar os pratos do Mercato Centrale em Roma são extremamente frescos e fornecidos por produtores locais, ganhando sabores e misturas especiais nas mãos dos talentosos cozinheiros e especialistas.

A experiência é que o visitante vá além de apenas comer, mas sim entenda as tradições em uma atmosfera aberta a todos, que permite provar, sentir, tocar, cheirar, descobrir e realizar um intercâmbio cultural, uma verdadeira imersão na simplicidade dos sabores e cores da Itália

Comida boa e muita história no coração de Roma

Além do conceito de levar sensações e uma experiência cultural junto à comida, os visitantes do Mercato Centrale poderão reviver um pouco da história romana, já que o estabelecimento está localizado no distrito de Esquilino, ao redor da Estação Termini, uma área histórica que por anos foi desvalorizada na cidade, hoje revitalizada.

Além de entregar sabores aos visitantes, o Mercato Centrale tem como objetivo reviver áreas esquecidas e trazer pessoas de volta a esses locais altamente importantes e vibrantes, por vezes deixados para trás.  Para se ter uma ideia, o local que hoje abriga o espaço já foi um antigo refeitório ferroviário, totalmente reformado e que, hoje, segue renovado, uma chance de explorar a cidade sob uma nova perspectiva. 

O espaço também abriga uma verdadeira joia arquitetônica, a famosa “Cappa Mazzoniana“, um exaustor de mármore acinzentado projetado pelo famoso arquiteto Angiolo Mazzoni na década de 1930, com mais de 10 metros de altura. 

Hoje, esses espaços representam uma experiência única e sabores, tradições, história e lazer – uma vez que o espaço recebe, também, ocasionalmente, diversas manifestações culturais, como música e dança. A localização é privilegiada e, em meia hora de caminhada, é possível acessar alguns dos principais pontos turísticos da cidade, como a Fontana Di Trevi, por exemplo.

Esse formato do Mercato Centrale foi criado por Umberto Montano, empresário do ramo de restaurantes. Utilizando o mesmo conceito, o mercado abriu sua primeira loja em Florença, no ano de 2014. O imenso sucesso motivou a expansão também para Roma. No início de 2019, também foi inaugurado o Mercato Centrale Torino, em Turim, um dos maiores da Europa, com 4500 metros quadrados. 

O que comer no Mercato Centrale em Roma?

A variedade de pratos e iguarias oferecidas no Mercato Centrale de Roma é extensa, por isso, fica até difícil escolher o que provar em uma visita ao local. De doces sicilianos a pizzas tradicionais, separamos alguns destaques e o que encontrar em cada um deles. 

Il pane e la pasticceria (Pães, pizzas e pastas)

Gabriele Bonci é uma celebridade quando o assunto é panificação na Itália. O padeiro combina sabores, texturas, cores e trabalha com ingredientes sazonais de pequenos agricultores, respeitando os ciclos naturais de fermentação de pães. Em seu espaço é possível encontrar focaccia branca, pizza vermelha, pizza com batatas ou mortadela e especialidades romanas. 

Mercato Centrale: dica para comer bem em Roma

Il Trapizzino (Pizza triangular fresca)

O Trapizzino® é um pedaço de pizza triangular produzido diariamente, servido quente e recheado com deliciosas receitas tradicionais romanas. Entre os sabores de recheios oferecidos estão frango à cacciatore, berinjela com parmesão e almôndegas. 

Il Tartufo (Trufas e produtos de trufas)

Especialista em trufas, a Savini Tartufi possui uma gama ampla e de alta qualidade de produtos. Hoje, a empresa trabalha com mais de 650 caçadores de trufas na região da Toscana e, em 2007, entrou no Guinness Book com a trufa mais valiosa já vendida em leilão, no valor de 330 mil dólares. Entre suas especialidades está o carbonara com trufas frescas, além de produtos para levar para casa, como creme de trufas, molhos, queijo de trufas, entre outros. 

Vegetariano e vegano (Lanches e produtos veganos e vegetarianos)

Local para quem preza por consciência ecológica, oferecendo frutas e legumes sazonais, frescos e produzidos organicamente. O Burger Vegan é uma especialidade, com proteína vegana, tomates frescos, cebola caramelizada, beterraba, espinafre fresco, entre outros condimentos. Além disso, o espaço oferece saladas sazonais, sopas e produtos veganos e vegetarianos. 

L’Hamburger di Chianina (Hamburgers)

Um dos melhores lugares para provar hambúrgueres com carne de boi da raça chianina e cachorros-quentes feitos de carne de porco da Toscana. O estabelecimento mantém séculos de tradições na produção de óleo vegetal orgânico e vinhos, oferecendo, também, saladas, legumes e batatas fritas crocantes. 

Le Especialità siciliane (Sobremesas sicilianas e especialidades salgadas)

Carmelo Pannocchietti prepara especialidades tradicionais da região da Sicília, como cannolis recheados com queijo de ricota fresco, o famoso pistache verde de Bronte e o chocolate de Modica, que derrete na boca, uma verdadeira delícia siciliana. O brioche de frutas cristalizadas também merece atenção. 

Il Fritto Martino (frituras)

Especialista em frituras, Martino Bellincampi comanda o restaurante que oferece delícias fritas feitas de massa de pizza, legumes, massas, supplì (bolinhos de arroz romanos clássicas), mussarela e muito mais. Não deixe de provar as especialidades tradicionais, que incluem croquetes de batata e, claro, massa frita. 

Il Gelato (gelatos e doces)

Não sabe onde comer um tradicional gelato italiano? O espaço de Luca Veralli prepara sorvetes 100% naturais com ingredientes orgânicos e ingredientes da mais alta qualidade, sempre servido fresco e com textura macia. São oferecidos 18 sabores naturais, entre os quais se destacam pistache siciliano, amêndoas de Toritto e avelã de Piemonte. 

La carne e i salumi (carne assada)

A carne da família Savigni é saborosa, genuína e 100% italiana. Graças a uma agricultura de gado que respeita a criação de seus animais e um respeito às tradições, é possível provar os melhores cortes de carnes assadas em uma grelha à vista de todos. Perfeito para quem quer comer bem em Roma.

Il Formaggio (queijos e derivados)

O queijo Beppe é produzido com leite que vem de ovelhas, cabras e vacas não pasteurizado, uma técnica que permite preservar suas propriedades e potencializar seu sabor. No restaurante de Giovale você pode encontrar pratos típicos de charcutaria italiana (produtos com carne de porco curada), mas também focaccia de queijo, queijo Giallina (semelhante ao queijo parmesão), bolo de batata e muito mais.

La Pasta Fresca (massas frescas)

A família Michelis trabalha no ramo de massas desde 1919 e produz massas recheadas artesanalmente e molhos encorpados. Com ingrediente frescos e de alta qualidade, o macarrão é feito com produtos orgânicos e recheado com combinações requintadas, como a carne vermelha do Piemonte. É possível provar desde pratos romanos clássicos, como pasta a carbonara, a massas especiais, como ravioli com molho de tomate. 

Il Ramen (comida asiática)

A união entre a culinária italiana e asiática se encontra no restaurante comandado por Akira Yoshida, sendo que os principais ingredientes utilizados em seus pratos, tanto italianos quanto japoneses, são selecionados, de qualidade e frescos. Todos os dias Akira prepara ramen Black Shoyu (gosto intenso), ramen White Shio (sabor delicado) e ramen Red Spicy. 

La Pizza Pier (pizza)

Daniele Seu está sob o comando das deliciosas pizzas, preparadas com diferentes tipos de farinha, levedura longa e uma pequena quantidade de fermento que facilita a digestão da massa. Há 3 pizzas tradicionais sempre disponíveis em sua loja, e outras 2 feitas com ingredientes sazonais. São receitas antigas com combinações inovadoras e sabores onde se destacam os tradicionais, como Margherita e Marinara.

I Carciofi e i funghi (alcachofras e cogumelos)

Alessandro Conti é especialista em alcachofras, enquanto Gabriele é em cogumelos. Sua loja no Mercato Centrale em Roma cria os pratos mais requintados com as duas especiarias, além de especialidade sazonais. É possível degustar pratos como alcachofras romanas, alcachofras fritas, alcachofras com batatas, entre outras iguarias. 

Il Sushi (sushi)

A dieta mediterrânea abraça a cultura japonesa nos pratos de Donato Scardi, feitos com ingredientes nativos à tradição japonesa, como algas nori, kombu, molho de soja, wasabi, gengibre rosa e molho tataki, e ingredientes da Itália, como peixe e legumes.

Il Vino al bicchiere (vinho no copo e na garrafa)

Esse é o lugar para comprar vinhos em Roma. Luca Boccoli viajou, provou, pesquisou e aprendeu o máximo para descobrir as melhores combinações para seus clientes. Boccoli oferece mais de 100 garrafas de vinho que podem ser compradas e degustadas, além outros 40 rótulos que podem ser degustados na hora. A seleção inclui Champagne, Borgonha e Barolo, além de seleções especiais. 

La Pasticceria (doces tradicionais e inovadores)

Os irmãos De Bellis acreditam que uma confeitaria tem tudo a ver com estética, gosto e emoções. A confeitaria de Marco e Andrea apresentou opções inovadoras, criativas, mas autênticas, que ainda refletem as tradições italianas. Aqui você encontrará sobremesas italianas clássicas, como profiteroles, mascarpone ou tiramisù, a mais famosa sobremesa de Roma. 

Il Pesce Fresco (peixe fresco)

Fabrizio Giannini e Stefano di Somma uniram sua paixão por ingredientes frescos e de alta qualidade para trazer um gostinho do mar ao coração de Roma. Você pode encontrar deliciosas especialidades do mar, do carpaccio de camarão vermelho ao lagostim com casca de limão, entre muitas outras opções.

La Caffetteria e la Birreria (Cafeteria e cervejaria)

Na cafeteria do Mercato Centrale você encontrará muitas opções de café, criados com aromas incríveis e diferentes texturas, entre expressos ou coados. Já a cervejaria Moretti Beer traz aos visitantes uma seleção de cervejas de fabricação própria, utilizando matérias-primas que proporcionam um aroma único.

Como chegar ao Mercato Centrale em Roma

O Mercato Centrale fica conectado à Estação Termini, a principal estação de trem da capital italiana. Há um ditado popular na cidade que diz “todos os caminhos levam à Termini”, e não é para menos, já que você, muito provavelmente, passará pela estação durante seu roteiro por Roma. Isso porque é da Termini que partem os trens para as principais cidades italianas, assim como o trem Leonardo Express, que conecta o Aeroporto Fiumicino ao centro da cidade. É de lá que partem, também, os ônibus e trens que levam ao Aeroporto Ciampino

Além disso, a Estação Termini é a única parada que conecta as linhas de metrô da cidade, A e B, além de ser o ponto final de muitos ônibus locais. Da Estação Termini, bastam apenas cinco minutos de caminhada para acessar o Mercato Centrale. Se você for de carro, há uma grande oferta de estacionamentos ao redor da estação. 

+ Info
Mercato Centrale na Estação Termini
Via Giolitti, 36 – Estação Termini, Roma
Aberto todos os dias, das 8h à meia-noite
www.mercatocentrale.it/roma

Leia também:

» Compras em Roma: melhores lojas e ruas para fazer compras
» 11 passeios imperdíveis para fazer em Roma
» São Paulo receberá exposição imersiva sobre Leonardo da Vinci
» Passeios para fazer em uma conexão em Roma

Dicas para planejar sua viagem:

» Encontre hotéis, pousadas, resorts e hostels com o Booking.com
» Reserve passagens aéreas com a MaxMilhas.
» Ganhe R$130 de crédito do Airbnb na primeira reserva.
» Aluguel de carros com até 30% de desconto e a garantia do melhor preço!
» Encontre seu seguro viagem com os melhores preços na Seguros Promo.
» Faça o seu visto e antecipe seu passaporte com a Visto Fácil.

Fasano Salvador entra na lista da Time dos 100 melhores lugares do mundo

Artigo anterior

Parque da Mônica chega a Gramado em 2020

Artigo seguinte

Você pode gostar