Rio observa aumento na procura de imóveis para alugar na estação mais quente do ano

Com a chegada da estação mais quente do ano, algumas cidades brasileiras passam a ser o principal ponto turístico. As pessoas querem estar lá e aproveitar ao máximo, principalmente as praias. O Rio de Janeiro é uma das opções e quanto mais perto do final do ano, maior é a demanda por aluguel no Rio de Janeiro

Apesar de existir a possibilidade de reservar hotéis e pousadas, muitas pessoas desejam o conforto de ter uma casa ou apartamento livre e a sua disposição. Inclusive porque, se colocar todas as contas no papel, você consegue perceber que os gastos se tornam menores se a estadia for mais longa.

Crescimento que chama a atenção

No começo de 2019, o Rio enfrentou um período de queda nos valores dos imóveis e aumento da oferta. Indo, inclusive, na contramão de outras cidades do Brasil, que tiveram aumento na procura pela compra de imóveis.

A queda nos preços – do aluguel também – era facilmente justificada. O Rio de Janeiro ainda é tido como uma cidade com bastante violência urbana e que esteve muito valorizada por causa dos Jogos Olímpicos. Então, mesmo que o país esteja se recuperando da crise, os preços das casas e apartamentos estão em queda nesta cidade.

Com isso, chega a alta temporada, período em que a cidade maravilhosa se torna uma das opções para quem deseja comemorar a virada do ano e curtir a praia. Os preços mais baixos tornam o aluguel mais interessante do que a reserva de uma estadia em hotel ou pousada.

Por que ocorre esse aumento na busca por aluguel de imóveis no Rio?

Quem já foi alguma vez para o Rio, sabe que é uma região bonita, com belas praias e que tem uma ótima programação de fim de ano e de Carnaval. 

O aumento na busca por imóveis para alugar está diretamente ligado a estas duas situações: calor e ano novo. Unidos a questão dos preços mais baixos, citados acima. Além disso, muitos consideram que a alta temporada vai até o Carnaval e já há pessoas pensando neste feriadão e buscando por um local para ficar.

A cidade também investe para atender bem seus turistas, então, quase nunca deixa a lista de primeiras opções para a alta temporada, mesmo que ainda esteja dentre as regiões que enfrentam problemas de violência urbana.

Outro fator que pode justificar essa preferência pelo aluguel ao invés de passar uma temporada em hotel ou pousada é a possibilidade de economizar. Exatamente por se tratar da alta temporada, é natural que hotéis e pousadas aumentem os valores das diárias, já que tem procura elevada nestas épocas.

Então, apesar de oferecerem algumas comodidades – e uma refeição gratuita – dependendo do tempo em que se pretende passar no Rio, o aluguel de um apartamento ou casa passa a ser mais atrativo. Há a responsabilidade de cuidar do espaço, porém, pode ser possível economizar no transporte, por exemplo.

O que levar em conta antes de fechar o contrato | Aluguel de imóveis no Rio

Se você faz parte do grupo que está entusiasmado com a ideia de conhecer a cidade maravilhosa, comece a pesquisar pelos imóveis que estão disponíveis para alugar. Quanto antes fizer a reserva, maiores as chances de fechar um bom preço e conseguir um local mais próximo da praia, por exemplo.

Depois da pesquisa, antes de fechar o contrato, considere:

  • Se o valor do aluguel é realmente atrativo;
  • Localização do imóvel;
  • Validade do contrato;
  • Possibilidade de rescindir o contrato;
  • Como será feito o pagamento do aluguel;
  • Quantas pessoas ficaram hospedadas no local;

Alugar com o proprietário ou com a imobiliária

Uma dúvida comum é se, por se tratar de um aluguel temporário, apenas para a alta temporada, com duração de um ou dois meses no máximo, é interessante buscar por uma imobiliária. A verdade é que as duas opções são vantajosas, tanto alugar direto com o proprietário quanto com a imobiliária.

No entanto, a segunda opção costuma ser mais segura. Antes de decidir, pese prós e contras e veja o que é mais fácil para você. Atualmente, no aluguel direto com o proprietário existem opções famosas, como o AirBnb e o próprio Booking, que já podem ser considerados concorrentes das imobiliárias.

Afinal, a forma de alugar imóveis, principalmente quando se fala na questão da alta temporada, mudou bastante.

Sinal positivo para o mercado imobiliário

Em se tratando do aluguel de imóveis, o Rio de Janeiro não decepciona e o mercado imobiliário fica atento a este aquecimento que costuma ocorrer na alta temporada. 

Apesar de ter sido observado um aumento no valor do aluguel em outras cidades brasileiras – algo que afetou várias regiões e fez com que, na questão de busca por um lugar para morar, muitas pessoas optassem por comprar uma casa ou apartamento – ainda é possível tirar algo positivo deste cenário.

O Rio de Janeiro, por exemplo, vai na contramão nesta questão. Desde 2015, é observado uma queda no valor do aluguel, e em maio de 2019, o preço dos imóveis novos também caiu. A justificativa para esta mudança foram a crise econômica, a queda no preço do petróleo e a violência urbana, um problema sério no Rio.

Porém, quando chega a alta temporada o cenário muda um pouco. Os turistas vêm de várias regiões do Brasil e querem aproveitar a praia. Pode ser então, que durante este período, uma leve alta no preço do aluguel seja observada.

Cidades que tem um toque mais turístico, principalmente as regiões com praias sempre ficam entre as primeiras escolhas, com a chegada do verão. Há então, interesse em apartamentos para alugar no Rio de Janeiro, principalmente aqueles que estão mais perto do mar.

Quem soube aproveitar e comprou imóveis com o intuito de alugar, vai, com certeza, colher os frutos deste investimento agora que o final do ano se aproxima. 

Principalmente porque, no caso do Rio de Janeiro, esta queda no preço de casas e apartamentos – para vender e alugar – já era esperada. A valorização havia ocorrido por causa do período pré-olímpiadas, mas agora o preço de aluguel de imóveis no Rio está em declínio. 

Agora, resta aproveitar os valores mais atrativos para alugar casas e apartamentos na região, principalmente se o intuito é visitar o Rio na alta temporada e curtir o calor e o verão. 

Leia mais:

» É seguro reservar com o Airbnb?
»  17 lugares incríveis para viajar no Brasil
» Viagens no Brasil: 100 lugares para conhecer

Dicas para planejar sua viagem:

» Encontre hotéis, pousadas, resorts e hostels com o Booking.com
» Reserve passagens aéreas com a MaxMilhas.
» Ganhe R$179 de crédito do Airbnb na primeira reserva.
» Aluguel de carros com até 30% de desconto e a garantia do melhor preço!
» Encontre seu seguro viagem com os melhores preços na Seguros Promo.

Natal em SP: centro da cidade receberá Roda Gigante e pista de patinação no gelo

Artigo anterior

6 hotéis históricos em Portugal para se hospedar

Artigo seguinte

Você pode gostar

Comentários estão fechados.