Conheça as trilhas em São Paulo com caminhos projetados para receber cadeirantes, pessoas com mobilidade reduzida e deficientes visuais

Cada vez mais espaços adaptados surgem e dão oportunidade de inclusão a pessoas portadoras de necessidades especiais. É o caso de alguns parques no Estado de São Paulo que mantém trilhas projetadas para receber cadeirantes, pessoas com mobilidade reduzida e deficientes visuais.

Além da acessibilidade e de belas paisagens do entorno, algumas dessas trilhas ainda permitem um maior contato com a natureza por meio de experiências sensoriais.  Conheça quais são, onde estão e como visitar estas 5 trilhas adaptadas em São Paulo.

Trilha da Nascente

Foto: Divulgação

Em plena capital paulista, a Trilha das Nascentes fica localizada dentro do Jardim Botânico de São Paulo. A trilha de 360 metros é percorrida por uma plataforma de madeira fixa e plana, com três pontos para descanso.

O projeto foi realizado desta forma para não causar impacto na Mata Atlântica, presente por todo o trajeto, e para permitir o acesso de idosos, pessoas com mobilidade reduzida e cadeirantes. Ao final do percurso é possível conhecer a nascente do histórico riacho do Ipiranga em uma espécie de observatório.

O Jardim Botânico de São Paulo fica aberto de terça a domingo e feriados (incluindo feriados que caem na segunda-feira), das 9 às 17 horas. O ingresso custa 10 reais e há emissão de meia entrada para estudantes.

Trilha da Vida

Foto: Divulgação

A Trilha da Vida fica localizada no Parque Ecológico Guarapiranga, a aproximadamente 35 quilômetros do centro da capital.  Com uma extensão de 50 metros, ela tem algo diferentes das demais trilhas que você conhece: só pode ser percorrida de olhos vendados. A ideia é proporcionar uma experiência sensorial, na qual dos participantes poderão entender o meio ambiente pelos sentidos, como olfato, tato e audição.

O trajeto é adaptado e pode ser realizado por cadeirantes e pessoas com pouca mobilidade. É necessário realizar o agendamento para fazer a trilha pelo e-mail peguarapiranga@sp.gov.br ou telefone (11) 5517-6707, já que o trajeto é monitorado. A Trilha da Vida pode ser percorrida de terça a domingo, das 9h às 14h.

Trilha Sensorial

Foto: Divulgação

A Trilha Sensorial fica localizada dentro do Parque Ecológico Imigrantes, inaugurado no final de 2018 em São Bernardo do Campo. O trajeto da trilha é realizado em meio às árvores por meio de uma plataforma suspensa de madeira sustentável, onde se alcança um lago de águas cristalinas ao final do percurso. O Parque Ecológico Imigrantes oferece plataformas, rampas de acesso, bondinho em plano inclinado, corrimãos e recursos eletrônicos de áudio para facilitar o acesso a cadeirantes, deficientes visuais e pessoas com necessidades especiais. Para o visitante com deficiência visual há placas com informações que possibilitam a leitura em braile.

As visitas ao Parque Ecológico Imigrantes são gratuitas, mas devem ser agendadas previamente pelo site.

Trilha Circuito das Árvores

Foto: Divulgação

A Trilha Circuito das Árvores está localizada no Parque Villa-Lobos, em plena capital paulista. O trajeto acessível de 120 metros de extensão é percorrido por uma passarela de madeira que chega a atingir 3,5 metros de altura. Durante o percurso é possível observar a copa das árvores e algumas espécies de pássaros.

O parque Villa-Lobos também conta com rampas, banheiros acessíveis e mapas táteis pensando na inclusão dos visitantes que são cadeirantes ou possuem mobilidade reduzida. O Parque-Villa Lobos funciona de segunda a segunda, das 5h30 às 19h e o acesso é gratuito.

Trilha do Silêncio

Foto: Divulgação

A Trilha do Silêncio fica no Parque Estadual do Jaraguá, também na capital paulista. O trajeto de 700 metros de extensão conta com corrimão e guia de madeira em meio à mata para orientação de deficientes visuais, além de placas com informações em braile. Com agendamento e monitoria, é possível realizar o “exercício do silêncio”, atividade de sensibilização em que o visitante pode sentir os sons e os cheiros da mata. Ao final da trilha, o visitante se depara com uma centenária figueira-branca.

Para o agendamento, basta entrar em contato pelo e-mail pe.jaragua@fflorestal.sp.gov.br ou telefones (11) 3941-2162 / 3945-4532. A trilha monitorada pode ser realizada todos os dias, das 7h às 16h, e o acesso é gratuito.

Leia também:

» Trilha para pessoas com deficiência física e visual é inaugurada no Chile
» Aplicativo mapeia trilhas em áreas protegidas de São Paulo
» 30 trilhas para fazer no Estado de São Paulo
» Empresa cria roteiro em Machu Picchu adaptado para cadeirantes

Dicas para planejar sua viagem:

» Encontre hotéis, pousadas, resorts e hostels com o Booking.com
» Reserve passagens aéreas com a MaxMilhas.
» Ganhe R$179 de crédito do Airbnb na primeira reserva.
» Aluguel de carros com até 30% de desconto e a garantia do melhor preço!
» Encontre seu seguro viagem com os melhores preços na Seguros Promo.

Nova trilha turística prevê dez dias de caminhada pela Serra Gaúcha

Artigo anterior

Barcelona: fotos de drone revelam a simetria incrível da cidade

Artigo seguinte

Você pode gostar