Pensando em escolher um destino para as próximas férias em família? Aqui estão 10 motivos para viajar para Portugal com crianças

Planejar férias em família, sobretudo com crianças, exige alguns cuidados. Questões como segurança, alimentação e clima fazem toda a diferença na escolha de um destino, ainda mais quando o desejo é viajar para o exterior.

Nesse sentido, Portugal se destaca como uma ótima opção para viajar junto aos pequenos. Duvida? Para provar, separamos 10 motivos para viajar para Portugal com crianças.

Um país seguro

crianças

Foto: Pixabay

Em uma viagem com crianças a segurança é sempre um fator primordial. Em Portugal, é possível andar tranquilamente pelas ruas das cidades, tanto de dia quanto à noite, com aquela sensação de segurança.

E não é só impressão: o país é considerado o quarto mais pacífico do mundo de acordo com o índice Global Peace Index (GPI). Isso quer dizer que não existe criminalidade em Portugal? É claro que existem pequenas ocorrências, no entanto casos mais graves ou violentos são raros. A dica é não dar bobeira em pontos muito turísticos, onde as pessoas sempre acabam ficando mais desatentas. No mais, vale aproveitar essa atmosfera agradável para curtir ainda mais momentos em família.

Passeios em família

portugal

Foto: Pixabay

De norte a sul do país há uma infinidade de passeios perfeitos para fazer com  os “miúdos”, forma portuguesa de se referir às crianças. Na região do litoral, como no Algarve, há diversas praias que podem ser aproveitadas, sobretudo no verão. O melhor é que, nos meses mais quentes, a noite demora para chegar e todos podem curtir a areia até 20h30 sem se preocupar.

Há também também diversos passeios para crianças em Lisboa, como o Oceanário e o Pavilhão do Conhecimento. Pertinho dali, a incrível Cascais oferece um charmoso centrinho perfeito para passear em família, além de praias agradáveis. Na região do Porto, lugares como o Parque Biológico de Gaia e passeios a céu aberto são ótimas pedidas para curtir a atmosfera descontraída. Assim, não é difícil perceber que há uma infinidade de opções para aproveitar com crianças seja qual for a região de Portugal.

Boa gastronomia

 

crianças

Foto: Pixabay

Ao viajar com crianças, os alimentos são sempre uma preocupação extra. Em Portugal isso definitivamente não é um problema. Os pratos não são tão diferentes do Brasil e, uma vez que cada vez mais brasileiros visitam o destino, é possível encontrar algumas iguarias nacionais por lá, como pão de queijo e tapioca.

No entanto, vale a pena aproveitar a incrível gastronomia portuguesa. Muito peixe fresco e alimentos saudáveis podem ser consumidos. Grande parte dos restaurantes nas regiões mais turísticas costumam oferecer menus especiais para crianças. Além disso, a garotada ama as famosas pastelarias, onde belos doces e os famosos pasteizinhos de nata são oferecidos.

Rede hoteleira

portugal

Foto: GuiaViajarMelhor

Portugal conta com uma rede hoteleira ampla, preparada e bastante hospitaleira. Há, inclusive, uma oferta de hospedagens desenvolvidas especialmente para as crianças. A rede de hotéis Martinhal, por exemplo, possui uma cultura totalmente voltada a receber famílias.

Com unidades em Lisboa, Cascais e Sagres, no Algarve, a rede oferece desde alimentos elaborados para cada fase da mastigação dos pequenos até espaços lúdicos com monitoria para que os pais também possa descansar e se divertir. Serviços como baby concierge e baby-sitting, além de Kids Club divididos por idade e diversas áreas de lazer são grandes diferenciais da rede, provando mais uma vez que Portugal é um excelente destino para viajar com crianças.

Clima agradável

portugal

Foto: Pixabay

Outro motivo para viajar para Portugal com crianças, sem dúvida, são as temperaturas  agradáveis. Com um clima mediterrâneo, as temperaturas no país são muito menos rigorosas do que no resto da Europa.

Isso significa invernos menos frios – apesar que, quem quiser, pode ver neve na região norte do país – e um verão com águas bem quentinhas.  Para se ter uma ideia, durante o verão português as temperaturas chegam facilmente aos 40ºC. Já durante o inverno, de novembro a abril, as máximas, em média, são de 15ºC.

Localização

crianças

Foto: Pixabay

Portugal não fica assim tão longe do Brasil. O longo trajeto percorrido por caravelas na época do descobrimento agora foi reduzido a algumas horas de avião. Como Portugal é a nação mais ao ocidente do continente europeu, leva-se menos tempo para chegar lá do que a outros destinos europeus.

Como viajar com crianças de avião pode ser um desafio, a boa notícia é que diversas cidades brasileiras oferecem voos diretos para Lisboa. De São Paulo, por exemplo, leva-se pouco mais de 9 horas de voo. Já partindo de alguns locais como Recife, Fortaleza, Natal e Belém é possível realizar a viagem em pouco mais de 7 horas.

Idioma

crianças

Foto: Pixabay

Em uma viagem internacional, o idioma muitas vezes pode se tornar uma barreira. Este definitivamente não é o caso de Portugal. Tendo o português como sua língua materna tudo fica mais fácil: desde pedir informações a se sentir amparado em diversas situações. Em uma viagem com crianças, essa praticidade e segurança têm um peso muito grande.

Ainda que, hora ou outra, fique um pouquinho difícil compreender o sotaque português, é também divertido para a criançada aprender sobre as variações da uma mesma língua com palavras diferentes sendo empregadas, como telemóvel (celular) ou casa de banho (banheiro).

Locomoção

portugal

Foto: Pixabay

Portugal é um país pequeno, ainda mais se comparado com o Brasil. Isso faz com que as cidades sejam muito próximas umas das outras, permitindo visitar diversos destinos em pouco tempo, o que é ótimo quando se viaja com crianças. É possível mudar completamente de cenário em pouco mais de uma hora de estrada.

As estradas, aliás, são ótimas e viajar por elas de carro chega a ser um deleite, passando por paisagens que muitas vezes nos surpreendem. Para uma viagem com crianças, as vias em Portugal são muito bem preparadas e sinalizadas, com escapes de emergência, indicativos de trechos com visibilidade reduzida, entre outros detalhes que fazem a diferença. Entretanto, há ainda a opção de viajar de trem, ou “comboios”, que chegam a diversos destinos.

Belas praias

portugal

Foto: Pixabay

Que família não gosta de curtir uma praia? Portugal oferece belíssimas opções, como na região do Algarve, ao sul do país. Algumas destas praias, inclusive, foram eleitas como algumas das mais bonitas do mundo. No verão, as temperaturas quentes tornam-se convidativas e a atmosfera tranquila da região é perfeita para curtir com os pequenos.

São muitas as praias com águas calmas e rasas, ideais para que as crianças possam se divertir com segurança. Nas redondezas de Lisboa também há opções de praias tranquilas. A costa de  Estoril e Cascais, por exemplo, se estende ao oeste da capital e oferece águas calmas do mar junto a cidades charmosas.

Destino econômico

crianças

Foto: Pixabay

Podemos dizer que os preços em Portugal são justos, ainda mais comparados a outros destinos europeus. É possível comer bem, em um bairro central de Lisboa, por exemplo, pagando até 12 euros. Transportes e passeios também são mais acessíveis aos bolsos brasileiros.

Para se ter uma ideia, a cidade de Porto ocupa o topo da lista de destinos mais econômicos para viajantes criado pelo site de viagens Lonely Planet há anos. Ou seja: mais um motivo para viajar com crianças para Portugal. Certamente a diversão de toda a família estará garantida.

Leia também:

» O que fazer em Lisboa com crianças
» Melhor época para ir a Portugal
» Alentejo na primavera: conheça a região rural de Portugal
» Veja as 14 cidades mais bonitas para visitar em Portugal

Dicas para planejar sua viagem:

» Encontre hotéis, pousadas, resorts e hostels com o Booking.com
» Reserve passagens aéreas com a MaxMilhas.
» Ganhe R$179 de crédito do Airbnb na primeira reserva.
» Aluguel de carros com até 30% de desconto e a garantia do melhor preço!
» Encontre seu seguro viagem com os melhores preços na Seguros Promo.

Brasileiro visita 196 países em 543 dias e entra para o Guinness

Artigo anterior

Cassinos do mundo: os 5 mais antigos e suas histórias

Artigo seguinte

Você pode gostar

Comentários estão fechados.