Visita guiada no terraço do Edifício Martinelli em São Paulo

A construção que foi iniciada em 1924 terminou 5 anos depois e foi construído por uma equipe formada por mais de 600 operários

martinelli1

Foto: Gustavo Albano

Localizado entre a ruas São Bento, Av. São João e a Rua Libero Badáro, o Edifício Martinelli foi projetado pelo italiano Giuseppe Martinelli em 1924 e foi uma grande símbolo de progressão da cidade. Atualmente, o prédio é um dos principais símbolos arquitetônicos do Brasil e já foi ponto de encontro da alta sociedade paulistana. Por lá já passaram o Cine Rosário, barbearias, lojas, uma igreja e o luxuoso Hotel São Bento.

A inicialização da obra gerou muita polêmica, pois até então não havia nenhum prédio em São Paulo com grande altura. Na época, edifícios com mais de 10 andares eram considerados muito altos. A ideia inicial era fazer um prédio extremamente requintado, que além de impressionar pela altura, impressionava também pelos acabamentos, com por exemplo escadas de mármore de Carrara, elevadores suíços, arabescos, vidros, espelhos e papéis de parede belgas, louças sanitárias e espelhos trazido da Europa.

Leia mais:
Lugares para conhecer na cidade de São Paulo
Roteiro de 2 ou 3 dias em São Paulo
Guia de Museus na cidade de São Paulo
70 passeios gratuitos para fazer em São Paulo

O Edifício Martinelli ao mesmo tempo que ganhava fãs, gerava muitas polêmica e dúvidas, inclusive da prefeitura, que resolveu embargar a construção até que se provasse que fazer algo tão alto (para época) era realmente seguro. A questão foi resolvida por uma comissão técnica que garantiu que o prédio era viável até 25 andares, mas como o objetivo de Giuseppe era chegar aos 30 andares, ele resolveu fazer sua própria residência no topo do edifício, completando com mais 5.

Entretanto a luxuosa construção acabou em um final trágico para Giuseppe. Após vários problemas financeiros, o italiano teve que dá-lo para o governo da Itália em 1934. Com o início da 2ª Guerra Mundial o prédio passou então para as mãos do governo brasileiro. O prédio acabou sendo muito degradado virando um enorme cortiço vertical no centro da cidade, famílias se amontoavam em salas que antes eram da elite paulistana, poços de ventilação e do elevador acabaram virando um grande depósito de lixo, crimes e até mesmo mortes foram cometidos dentro do edifício, até que em 1975 a Prefeitura de São Paulo resolveu recuperá-lo e restaurá-lo.

Após ser tombado como patrimônio histórico, o local agora abriga secretarias municipais; para os visitantes, está disponível o terraço e sua vista panorâmica. Para conhecer um pouco mais sobre a história do edifício e vê-lo de perto, basta marcar uma visita monitorada nos seguintes horários:

martinelli2

Foto: Gustavo Albano

+ info:

Edifício Martinelli
End.: O edifício tem três entradas.
Rua Libero Badaró, 504 a 518;
Rua São Bento, 397 a 413;
Av. São João, 11 a 65.
Tel: (11) 3104-2477
www.prediomartinelli.com.br

Seg a sexta 09h30 às 11h30 e 14h00 as 16h00
Sábados das 09h00 as 15h00 e domingos das 09h00 as 13h00

Dicas para planejar sua viagem:

» Encontre hotéis, pousadas, resorts e hostels com o Booking.com.
» Reserve passagens aéreas com a Latam, MaxMilhas e Skyscanner.
» Ganhe R$130 de crédito do Airbnb na primeira reserva.