Evento reúne mulheres em dois dias de palestras e debates sobre viagens

Não é preciso dados e pesquisas para perceber o aumento no número de viajantes mulheres. Reflexo de um empoderamento feminino que se manifestando em diversas áreas da sociedade, elas estão explorando o mundo e querem viajar cada vez mais.

Com o objetivo de abordar o tema e incentivar mulheres a quebrarem barreiras e fronteiras, acontecerá em 27 e 28 de abril, em São Paulo, o I Encontro Brasileiro de Mulheres Viajantes. Serão dois dias reunindo viajantes com diferentes perfis e distintos níveis de experiência.

O conteúdo das palestras e bate papos darão desde dicas de como planejar uma viagem, até informações para pessoas que querem trabalhar com turismo, mas não sabem por onde começar. Além disso, histórias inspiradoras de mulheres que se jogaram no mundo vão incentivar novas viajantes.

Foto: Marina Zoppei/ Arquivo Pessoal

A iniciativa é da jornalista e turismóloga, Gilsimara Caresia, que já viajou mais de 90 países mochilando, a maioria deles sozinha. Gilsimara fundou o projeto GirlsGo e leva grupo de mulheres para viajar o Brasil e o mundo.

Confira algumas palestrantes já confirmadas:

Carol Fernandes deixou mais de uma década de uma carreira corporativa bem sucedida para viajar por dois anos. Ao retornar ao Brasil, criou o Projeto ViraVolta, que auxilia viajantes a viabilizarem suas viagens de longo prazo.

Camila Castanheira é jornalista, mas fez carreira em banco. Apaixonada por viagens, deixou o mercado financeiro para empreender no que antes era um hobby e se tornar influencer. Camila vai contar como consegue monetizar a sua nova profissão.

Janah Leite, professora, mãe solo e negra, viaja com sua filha desde que ela tinha dois anos de idade. A última aventura foi levar Maria, agora com 11 anos, em sua primeira viagem internacional, um mochilão econômico de 40 dias por 4 países da América Latina.

Kety Shapazian apostou no sonho da filha, que aos 16 anos começou a viajar para ajudar refugiados pelo mundo. A empreendedora fundou o projeto “Flores para os Refugiados” que gera renda para alimentar o propósito da filha Gabriela.

Marina Moretti e Glycia voltaram recentemente de um ano de viagem pela Ásia e Europa. na palestra, elas irão compartilharar a percepção em relação a preconceito, segurança e dificuldades duas mulheres viajando sozinhas.

Marina Zoppei dará dicas de como economizar na viagem: aos 30 anos, ela já alcançou a impressionante marca de 103 países viajados.

Mellina Hernandes tem deficiência visual e há alguns anos, a cão guia Hilary tornou-se sua grande companheira de viagens. Mellina vai contar um pouco sobre como é ver o mundo sob uma nova ótica.

Paula Ramos aos 55 anos é avó, palhaça hospitalar e apaixonada pela mochila. Em 2018 viajou 20 estados brasileiros, se hospedando em hostel e trocando trabalho por acomodação (work exchange).

Foto: Carol Fernandes/ Arquivo pessoal

+ Info
I Encontro Brasileiro de Mulheres Viajantes
Dias 27 e 28 de abril de 2019, das 9h às 18h.
Local: Leques Brasil Hotel, Rua São Joaquim, 216, Liberdade, São Paulo
Ingressos: R$157 a R$337
Site

» Quais os documentos necessários para viajar de avião com crianças?
» Guia de praias indicadas para crianças no Brasil
» Viagens para fazer no Brasil com crianças
» Paris com crianças: quais passeios fazer e onde ir?

Dicas para planejar sua viagem:

» Encontre hotéis, pousadas, resorts e hostels com o Booking.com
» Reserve passagens aéreas com a MaxMilhas e Skyscanner.
» Ganhe R$130 de crédito do Airbnb na primeira reserva.

Projeto pretende plantar 1 bilhão de árvores nativas no Brasil

Artigo anterior

Mostra imersiva proporciona uma viagem “além do infinito” no Farol Santander

Artigo seguinte

Você pode gostar