O roteiro de trem passa por cinco cidades diferentes da Espanha onde é possível conhecer toda a diversidade cultural do país.

Viajar pela Espanha de trem é mais fácil do que você imagina, o país inteiro é interligado pelo principais destinos por trens de alta velocidade que chegam a até 300km/h facilitando o acesso entre as cidades espanholas.

A viagem de trem compensa por vários pontos, os preços são acessíveis, você não perde tempo com check in e ainda pode observar toda a região e conhecer diversas cidades no trajeto. As viagens são super rápidas o percurso entre Barcelona e Madri, por exemplo, dura somente 3 horas.

A empresa responsável pelos trens na Espanha é a RENFE, uma central estatal de trens do país e o AVE (Alta Velocidad Española) é um dos seus modelos de trens, e por ser o mais rápido e o mais confortável, é o mais procurado.

Leia também:
Cidades charmosas para visitar no litoral da Espanha
Férias na Espanha: melhores atrações turísticas de Madrid
Viaje pela Andaluzia, conheça Córdoba na Espanha
5 lugares para visitar quando estiver em Córdoba na Espanha
Barcelona: o lar da arquitetura, do esporte e da variedade

Barcelona – 3 noites

O roteiro Gaudi é o trajeto mais procurado pelos turistas que chegam em Barcelona para fazer um city-tour pela cidade. Nesse roteiro os visitantes passam por diversas obras espalhadas do arquiteto Antoni Gaudí, descobrindo os principais pontos turísticos de Barcelona, como a La Pedrera, a Casa Milà, a Casa Batllò, o Templo Expiatório da Sagrada Família e o Parc Güell.

O Museu Picasso de Barcelona é o principal da cidade e tem seu acervo dedicado à obra do pintor espanhol Pablo Picasso. O espaço foi fundado em 1963 e possui mais de 4200 obras que compõem a coleção permanente.

Uma caminhada pelo bairro mais antigo de Barcelona, conhecido como Bairro Gótico, é um ótimo roteiro para conhecer a região mais charmosa da cidade e fazer ótimas fotos em construções grandiosas e renomadas.

Outro lugar indispensável na sua lista do que fazer em Barcelona é conhecer Las Ramblas ou La Rambla, ponto turístico e de encontro de muitos moradores, que atraem vários artistas de rua. Há bares e restaurantes e é onde está localizada a estátua de Cristóvão Colombo, datada de 1888, com mais de 50 metros de altura e apontando para a América.

Barcelona também possuí um litoral super charmosos e interessante de desfrutar, dedique uma parte do seu tempo para pegar um sol na Praia Barceloneta, uma das mais visitas de cidade.

Foto: Thomas Schirmann

Madri – 3 noites

A capital da Espanha respira cultura e esbanja atividades de entretenimento, com diversos teatros, atividades recreativas, restaurantes e bares. O tour pode começar pelo marco zero da cidade em Puerta del Sol, seguindo pela  Calle de Postas, até a Plaza Mayor, localizada no centro da cidade. O local é famoso por ter sido palco de diversas touradas, cortejos e julgamentos e execuções da inquisição. Hoje a praça é rodeada por diferentes restaurantes, cafés e lojinhas de souvenirs.

Outras atrações muito famosas e indispensáveis, são o Palácio Real, a estátua de bronze do urso símbolo de Madri, o Mercado San miguel, a Catedral de Almudena e outras praças, como a Plaza Isabel II e a Plaza Oriente.

A Gran Vía é uma das mais importantes avenidas de Madrid, lá o turista pode fazer compras nas centenas de lojas espalhadas por galerias e shoppings. O Parque del Retiro não pode faltar no seu roteiro, principalmente se tiver um sábado ou domingo de sol na cidade. Esse é um dos parque mais legais de toda a Europa e forma um gigantesco espaço verde no meio de Madrid. Lá é possível realizar caminhadas, andar de bicicleta, fazer piqueniques, andar de pedalinho e ouvir os músicos de ruas que se concentram pela área.

Se você adora conhecer museus e entender um pouquinho mais da história dos destinos que você visita, uma ótima opção é o Museu Reina Sofia, que abriga um dos quadros mais famosos de Pablo Picasso, Guernica. Existem também outras opções como o Museu del Prado e Museu Thyssen-Bormisza.

Foto: Jose Javier Martin

Sevilha – 2 noites

O Bairro Triana é um dos lugares mais charmosos de Sevilha. A área fica próximo ao rio e a dica aqui é caminhar. Percorrer cada rua, cada beco estreito, conhecer os pátios e fazer comprar nas lojinhas espalhadas por toda a região é o melhor a fazer em Triana. Quando estiver pelo bairro não deixe de visitar a Torre del Oro, que fazia parte de uma muralha que protegia a Sevilha no passado. Dentro dela há também um museu marítimo.

Visite o interior da gigantesca Catedral de Sevilha, a maior catedral gótica do mundo. Se tiver fôlego continue a programação subindo até o alto da Giralda, o campanário da catedral e cartão postal do destino.

Foto: Travel with Lasse

Córdoba – 1 noite

O Bairro Judería é um bairro judeu da cidade que mais parece um labirinto de ruas estreitas e charmosas. Todas as casas nessa parte da cidade são pintadas de brancos e as ruas são decoradas com vários vasos coloridos repleto de flores. Ao lado do bairro está a Mesquita – Catedral de Córdoba, um dos templos mais famosos e impressionantes do mundo.

Granada – 1 noite

Caminhar pelo centro histórico de Granada é sem dúvidas a melhor maneira de conhecer a cidade. No passeio é possível observar construções repletas de história, esculturas, praças e incríveis mirantes da região. Albaicin, o bairro árabe da cidade, é bem parecido com Sevilha, cheio de ruelas e artistas nas ruas. A catedral também é muito impressionante e em sua capilla real estão enterrados o Rei Fernando e a Rainha Isabel.

Granada também tem muitas opções para ver uma apresentação de Flamenco, podendo escolher entre shows mais tradicionais ou o Flamenco cigano. Existem diversas casas de espetáculo no Albaicín e nas grutas de Sacromonte.

Foto: Raphaël CloudWhisperer67

Dicas para planejar sua viagem:

» Encontre hotéis, pousadas, resorts e hostels com o Booking.com.
» Reserve passagens aéreas com a MaxMilhas e Skyscanner.
» Ganhe R$130 de crédito do Airbnb na primeira reserva.

Observação de baleias Jubarte encanta turistas em Arraial D’Ajuda, na Bahia

Artigo anterior

Mochilão no Brasil: roteiro de 30 dias conhecendo as melhores praias do nordeste

Artigo seguinte

Você pode gostar