O principal cartão postal da vila de Porto de Galinhas é também um dos pontos mais surpreendentes e fascinantes do litoral brasileiro

Foto: Christian Knepper

Foto: Christian Knepper

Formadas pela segunda maior barreira de corais do mundo (que seguem até o município de Paripueira no estado de Alagoas), as famosas piscinas naturais do destino, ficam a apenas 200 m da costa e aparecem durante a maré baixa.

Para aproveitar melhor o passeio, indicamos pegar uma das várias jangadas coloridas presentes na praia que servem de transporte até os buracos entre os corais que ficam inundados durante a maré baixa. O percurso dura em torno de 5 min até um enorme banco de corais que dá acesso as diversas piscinas com águas cristalinas e lotadas de peixinhos coloridos. Para aproveitar ao máximo o mergulho, é bom ter em mãos máscara e snorkel, normalmente oferecido pelos próprios jangadeiros.

Além do mergulho livre, algumas agências também oferecem mergulhos com cilindro em pontos que chegam até 4 metros de profundidade, outra oportunidade incrível de levar boas recordações da charmosa vila.

 

Foto: Fernando Santos Vieira

Foto: Fernando Santos Vieira

Foto: Jéssica Carlos

Foto: Jéssica Carlos

Foto: Alobos Life

Foto: Alobos Life

Foto: Ricardo Mendonça

Foto: Ricardo Mendonça

Foto: Walter Mello

Foto: Walter Mello

Foto: Walter Mello

Foto: Walter Mello

Foto: Nick Cool

Foto: Nick Cool

» Turismo em Porto de Galinhas: o que ver e fazer
» Enotel o maior resort all-inclusive de Porto de Galinhas
» 10 rotas para fazer um mochilão pelo Brasil
» Turismo em Tamandaré: o que ver e fazer

Dicas para planejar sua viagem:

» Encontre hotéis, pousadas, resorts e hostels com o Booking.com
» Reserve passagens aéreas com a MaxMilhas e Skyscanner.
» Ganhe R$130 de crédito do Airbnb na primeira reserva.

Lugares para conhecer em Tamandaré

Artigo anterior

Passeios para fazer em Porto de Galinhas

Artigo seguinte

Você pode gostar