Listado entre os parque nacionais mais visitados do Brasil, a Chapada dos Veadeiros, em Goiás, acaba de ser concedida à iniciativa privada

O acordo de concessão do Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros foi assinado pelo ministro do Meio Ambiente, Edson Duarte, e as empresas Parquetur Participações e Socicam Terminais Rodoviários e Representações.
“Estamos fazendo concessões daquilo que não é próprio de governo. O contrato é para garantir a excelência na qualidade do atendimento aos visitantes, para termos um turismo qualificado, baseado na busca por espaços naturais, que é o que mais cresce no mundo”, explicou o ministro do Meio Ambiente.

A companhia afirma que vai investir em obras para melhoria do parque. Para isso, haverá cobrança de ingressos. Os brasileiro vão desembolsar R$ 17,00; residentes do Mercosul, R$ 25,00, e moradores das proximidades, R$ 3,00. A cobrança começa no segundo semestre de 2019. Hoje, a entrada é gratuita.

Foto: Aline Fortuna / Wikimedia Commns

Vale lembrar que esmo com os cortes de orçamento transferidos ao ICMBio, o Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros sempre ofereceu uma ótima estrutura, com trilhas demarcadas, boa sinalização e espaços para informações aos visitantes.

O cronograma do governo ainda prevê que os parques nacionais dos Lençóis Maranhenses (MA), Itatiaia (RJ), Caparaó (MG), Jericoacoara (CE) e da Serra da Bodoquena (MS), além da Chapada dos Guimarães (MT), Serra da Canastra (MG), Aparados da Serra e Serra Geral (RS) e Floresta Nacional de Canela (RS).

» Guia completo da Chapada dos Veadeiros
» 10 cachoeiras imperdíveis para conhecer na Chapada dos Veadeiros
» Vale da Lua, encantos e mistérios na Chapada dos Veadeiros
» Diário de Bordo: 3, 5 e 7 dias na Chapada dos Veadeiros

Dicas para planejar sua viagem:

» Encontre hotéis, pousadas, resorts e hostels com o Booking.com
» Reserve passagens aéreas com a MaxMilhas.
» Ganhe R$130 de crédito do Airbnb na primeira reserva.

Lisboa é eleita novamente como Melhor Destino do Mundo

Artigo anterior

Por dentro dos Museus do Vaticano e da Capela Sistina

Artigo seguinte

Você pode gostar