Construções históricas, muita natureza e cenários de contos de fada: descubra a beleza da República Tcheca em 7 lugares pelo país

Fugindo dos circuitos turísticos tradicionais europeus, a República Tcheca surge como uma bela alternativa para quem aprecia arquitetura, cenários naturais e muita cultura. Não é à toa que o país conta atualmente com 12 atrações na lista de Patrimônios da Humanidade da Unesco.

Além da capital Praga, que é um deslumbre quando se trata de belas construções, o país guarda outros tesouros, tanto arquitetônicos e históricos quanto cenários naturais, sem falar nos suntuosos palácios que parecem ter saído dos contos de fadas.

Reunimos 7 lugares imperdíveis para visitar e conhecer na República Tcheca.

Praga


Foto: Pixabay

Não há como citar 7 lugares para conhecer na República Tcheca e não mencionar sua artéria pulsante, a bela Praga. A “Cidade das 100 Torres”  reserva miradouros, igrejas, belas catedrais e imponentes construções históricas, reunindo alguns dos maiores tesouros renascentistas e góticos da Europa.

O famoso relógio astronômico medieval de Praga, instalado na torre da Prefeitura da Cidade Velha, é um marco da arquitetura gótica, datado do século XIV. Já os becos sinuosos do Bairro Judeu fazem parte dos cenários dos romances do escritor alemão Kafka. Charmosos cafés, lojinhas e barcos ao logo do Rio Moldava compõe o cenário de uma das mais belas cidades do mundo.

A icônica Ponte Carlos, um dos cartões-postais da cidade e outra relíquia do estilo gótico, é uma das principais atrações de Praga, assim como a Igreja de São Nicolau, a mais bela igreja barroca da cidade. Isso sem falar no Castelo de Praga, que não é propriamente um castelo, mas sim um bairro que reúne diversos palácios, igrejas e museus.

Boêmia Central


Foto: Pixabay

A apenas uma hora de Praga está a Boêmia Central, um recanto bucólico e medieval que reúne diversas edificações góticas e renascentistas. Entre castelos e palácios que aprecem ter saído de um conto de fadas está um cenário natural maravilhoso, repleto de vales, rios e minas de prata.

Uma das principais atrações deste fantástico local é o Castelo Karlštejn, uma fortaleza construída a mando do imperador romano e rei tcheco, Carlos IV. Já no Palácio de Konopiště é possível conhecer os aposentos onde vivia o arquiduque húngaro Fraz Ferdinand e sua família.

Boêmia do Leste


Foto: Pixabay

A Boêmia do Leste é a região que concentra as misteriosas e belas cidades rochosas e um dos 7 ligares que você deve conhecer na República Tcheca. Uma das mais famosas é Adršpach, a pouco mais de duas horas de Praga, que encanta com seus bosques, planaltos e torres naturais de pedras.  Já a cidade de Josefov, uma antiga fortaleza militar,  ainda mantém monumentos que fazem recordas as antigas batalhas, como a de Hradec Králové, que ocorreu em 1866.

Outra tradição local são as corridas de cavalos, com destaque para o Grand Prix Pardubice Steeplechase, a mais antiga do mundo. A região ainda inclui o imponente castelo renascentista Litomyšl, do século XV.

Boêmia do Oeste


Foto: Pixabay

Esta é a região para quem curte uma boa cerveja. A cidade de Pilsen, fundada no fim dos anos 1200 pelo rei Venceslau II, além de uma ótima opção de passeio bate e volta partindo de Praga, também abriga a Cervejaria Pilsner Urquell,  famosa há séculos. A cidade foi berço do tipo de cerveja mais popular do planeta, a pilsen e por lá não faltarão degustações.

Já nas cidades termais de Karlovy Vary, Mariánské Lázně e Františkovy Lázně existem diversos tipos de tratamentos, além de programas terapêuticos e de bem estar proporcionados pelas propriedades das águas quentes.

Boêmia do Sul


Foto: Pixabay

Se a sua preferência é por belezas naturais e paisagens de tirar o fôlego, a região de Boêmia do Sul é repleta de castelos dignos de contos de fadas e propriedades rurais bucólicas, além de excelentes lugares para a prática atividades ao ar livre.

Não deixe de incluir em seu roteiro a charmosa cidade histórica de Český Krumlov e a pitoresca aldeia de Holašovice, ambas declaradas Patrimônio da Humanidade pela Unesco. Para os românticos, a dica é um passeio ao castelo neogótico Hluboká, considerado o mais bonito da República Tcheca. Já quem  prefere esportes radiciais, há diversão de sobra na Barragem de Lipno, formada por um imenso lago.

Boêmia do Norte


 

Foto: Pixabay

Já na região da Boêmia do Norte, o turista encontrará belas montanhas, cidades rochosas e o belíssimo Parque Nacional Suíça da Boêmia, onde vivem muitos animais com risco de extinção. Há também rios, como o famoso Kamenice, passeios de barco e cânions, uma experiência inesquecível em meio à natureza.

Na região também é possível fazer uma passeio de teleférico até a moderna estação de televisão em Ještěd ou ir até Sněžka, o pico mais alto da República Tcheca, nas Montanhas Krkonoše.

Morávia e Silésia


Foto: Pixabay

Na região da Morávia, uma das menos visitadas por turistas na República Tcheca, é possível encontrar monumentos históricos, belos castelos e ainda desgustar um bom vinho apreciando tradições folclóricas únicas.

Entre os locais que mais chamam a atenção está Kroměříž, conhecida como a cidade dos jardins. Já Olomouc, é famosa por seus históricos monumentos barrocos.

Vale a pena explorar o Karst da Morávia, um local impressionante  com mais de mil cavernas. Não deixe também de visitar Ostrava e seus antigos complexos industriais.

» Lugares para conhecer em Praga
» O que fazer na República Tcheca
» As melhores cidades para visitar na República Tcheca
» Documentos para entrar na Europa atualizado | Imigração 2019

Dicas para planejar sua viagem:

» Encontre hotéis, pousadas, resorts e hostels com o Booking.com
» Reserve passagens aéreas com a MaxMilhas.
» Ganhe R$130 de crédito do Airbnb na primeira reserva.

Mulher usa 4 kg de roupas para escapar da taxa de bagagem no aeroporto

Artigo anterior

Hotel na Rússia aceita conhecimento como forma de pagamento

Artigo seguinte

Você pode gostar